Mensagens de Luz  
 
 
  Textos Espíritas  
 
 
  Mural de Recados  
 
 
  Guia de Centros Espíritas  
 
 
  Ouça Mensagens  
 
 
Página Inicial - O Espiritismo
 Home
 A Doutrina
  O que é?
  Conheça Allan Kardec
  Biografias
  Galeria de Imagens
  Fale Conosco
  Links Indicados
  Sugestão de Livros
  Obras Básicas
 O Espiritismo e Você
  Mensagens de Luz
  Textos Espíritas
  Mural de Recados
  Guia de Endereços
  de Centros Espíritas
  Ouça Mensagens
 
 
>> MURAL DE RECADOS
 
Mural
De: Marcos
Para: TODOS
E-mail: marcos@yahoo.com.br
Data: 05/05/15 19:25

Coloca sua família na presença de Deus em oração.


Entrega sua vida para Deus.

Entregar sua vida para Deus é: Conhecer Sua vontade; Obedecer Sua Palavra; Se dispor a engajar-se no árduo processo de Santificação que forja em nós o caráter e a imagem de Cristo.

A única maneira de salvar nossas famílias é através da ORAÇÃO, pois de maneira consciente todos nós sabemos o que prejudica a família, mas então porque não conseguimos agir de acordo para termos felicidade e paz nos lares? Porque não basta saber, temos que AGIR e vencer barreiras espirituais malignas através do PODER DA ORAÇÃO.

Lute por sua família, não se entregue! DEUS TEM PODER PARA RESTAURAR O SEU LAR, mas depende somente de você deixá-lo entrar em seu lar e em seu coração.

“Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo” Apocalipse 3:20

De: ana
Para: todos
E-mail: ana1lu@yahoo.com.br
Data: 05/05/15 15:16

orem por mim estou precisando tanto

De: Miguel
Para: todos
E-mail: mguelvendas@gmail.com
Data: 05/05/15 12:33

Que todos esteja orando para minha familia.

De: camila
Para: marcos
E-mail: camila@gmail.com
Data: 04/05/15 19:22

Boa noite meu irmão.
esteja orando para minha família estão todos contra mim meu marido Fernando e para minhas filhas Débora e Fernanda vou estar orando junto com todos vocês.

De: Marcos
Para: TODOS
E-mail: marcos@yahoo.com.br
Data: 04/05/15 19:04

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo seja com todos vocês e família.


Quero orar com vocês.


Convido a todos a estar orando pelas nossas famílias no dia 05 e 06 de Maio as 21:00h.
Que o Espirito Santo de Deus esteja presente em nossas casas.

“E TUDO O QUE PEDIREM EM ORAÇÃO, SE CREREM, VOCÊS RECEBERÃO” (Mateus 21:22)


Então fale com Deus, peça a Ele pela sua família, agradeça por sua vida, agradeça por tudo que Ele te dá, abra seu coração, converse com Deus. Ele está pronto para te ouvir e te abençoar.
A oração é sua intimidade com Deus, peça a Deus, converse com Ele, Ele nos dá acesso direto a Ele através de Seu Filho Jesus Cristo, peça somente a Deus, e verás a glória Dele em sua vida.

Estou com você em oração.

De: wilson
Para: Os estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 30/04/15 10:46

Quando o espirito domina a matéria temos as Virtudes e a Evolução
Quando a matéria domina o espirito temos imperfeições morais, sofrimento e vícios
A evolução espiritual é antes de tudo aprimoramento moral, dominar a matéria, ser forte nos pensamentos e na vontade.
Deus não faz milagres e nem distribui graças divinas, na vida material e espiritual tudo se realiza pela nossa luta, trabalho e esforço pessoal, a cada um segundo as suas Obras, colhemos o que plantamos.
Deus não vai me proteger isso é fantasia, eu faço minha proteção espiritual pelos meus pensamentos e conduta moral
O deus protetor é uma ilusão, as leis que regem o universo são naturais e imutáveis e a elas todos estão sujeitos
São as nossas imperfeições morais, maus pensamentos, maus desejos, vontade fraca, desanimo, vícios que vão atrair pela sintonia mental os espiritos inferiores e obsessores do mundo invisível, a proteção espiritual contra as obsessões esta em nossos pensamentos elevados e nobres e na conduta moral reta na pratica do bem e das virtudes.
Seja forte nos pensamentos e na vontade, como explica o Racionalismo Cristão e o Espiritismo verdadeiro, nós somos o que pensamos e atraímos pelo pensamento o bem ou o mal.
Não adianta usar velas, amuletos, talismã, roupas brancas, imagens de santos, medalhas cabalísticas, é nos pensamentos que esta o nosso poder espiritual.
Os espiritos mistificadores gostam de indicar esses processos místicos para as pessoas ingênuas, de usar objetos matérias sagrados ou mágicos para afastar os maus espiritos, e as pessoas entram nessa furada e não procuram se melhorar moralmente e mentalmente e passam a ficar fracas espiritualmente facilitando a ação dos maus espiritos.
Os espiritos obsessores e embusteiros do plano astral, não querem que as pessoas descubram seu poder espiritual que esta nos PENSAMENTOS E NA VONTADE.
Pessoas de vontade fraca com maus pensamentos, maus desejos, sem animo, sem disposição para lutar pela vida, são um alvo fácil para as falanges de espiritos obsessores, eles querem exatamente isso pessoas de vontade fraca e com pensamentos negativos que acreditam em crendices e surpertições.
O Racionalismo Cristão explica muito bem essas questões, o ser conforme pensar assim será, atraímos pelos pensamentos bons ou maus espiritos, um espírito de luz não pode se aproximar de pessoas que estejam vibrando maus pensamentos, medos, maus desejos.
O Bem tem sintonia com o Bem.
O mal tem sintonia com o mal.

Se existisse proteções divinas ou de anjos não existira crimes, crianças que são abusadas e violentadas, mulheres que seriam violentadas, guerras, trafico de drogas, somos nós que temos que saber viver de forma racional com cautela, ordem, disciplina com pensamentos elevados, observando tudo e todos, não confiando cegamente nas pessoas, sendo cauteloso e criterioso, tomar cuidado com os pensamentos e as atitudes, nós criamos nossa proteção e dessa forma vamos atrair os espíritos de luz.
Basta a pessoa ter bons pensamentos e uma conduta moral reta e positiva que ela atraia os espíritos de luz, o bem atrai o bem e o mal atrai o mal.
Quando os espíritos obsessores atacam uma pessoa e tem êxito nessa operação é por que a pessoa vacilou em seus pensamentos e nas atitudes, se ela manter seus pensamentos sempre positivos, ter boas atitudes, ser correto e honesto, ter disciplina, ter uma VONTADE FORTE e educa para coisas boas, ela repele os maus espíritos.
Pessoas de vontade fraca com maus pensamentos, vícios e maus desejos sem personalidade firme serão um alvo fácil para os espíritos obsessores, seja forte nos pensamentos e na vontade.
Wilson Moreno

De: Marcos
Para: TODOS
E-mail: marcos@yahoo.com.br
Data: 29/04/15 18:42

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo seja com todos vocês.

Você deseja ser uma pessoa de fé?

A fé é a Palavra de Deus ativa em nós!

A Palavra de Deus, não somente te diz o que fazer, mas também te dá poder para fazer, aumentando sua fé para realizar sua tarefa.
O poder existente dentro de você, que é a fé, é superior a qualquer dificuldade que esteja enfrentando.
Quem fica olhando para o tamanho da dificuldade, deixando-se dominar pelo que vê e ouve, nunca alcança o que deseja.
Transforme as dificuldades em uma oportunidade para você fazer a diferença.
Nunca desistir, fazer a diferença e acreditar naquilo que ninguém acredita.
Deus deixou apenas uma maneira para que o justo viva: pela fé.

Seja movido pela fé!


Entrega sua vida a Jesus Cristo!

De: binho
Para: todos
E-mail: binhovsilva@hotmail.com
Data: 29/04/15 10:31

Consequência de nossos atos impensados do passado, somos cobrados na vida atual pelo mal que plantamos. Por isso, não desista de sua vida, seja por qual motivo for. Depois do suicídio, a vida nos espera, e nossa consciência nos impõe um flagelo muito pior do que na vida física. Muitos relatos de espíritos suicidas nos confirmam o sofrimento que precisaram passar por tirar a própria vida. Vida é renovação. Eleve seu pensamento a Deus que não desampara filho algum. Mantenha-se firme na tribulação. A vitória é certa com Jesus.

De: MARLENE
Para: ESPIRITOS DE LUZ
E-mail: marlenelima@nassau.com.br
Data: 28/04/15 14:00

Boas Vibrações
Hoje vi duas meninas lindas (companheiras de velhos tempos) com duas babys lindas (que ainda não nascer).
Espíritos de Luz, as iluminem, todas as 4 para que tudo dê certo na vida delas, que assim seja.


De: Wilson
Para: Os Estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 27/04/15 16:29

O Espiritismo e a Magia.

Vejamos essa observação de Kardec.

Quem viu práticas de magia nas evocações espíritas? Houve um tempo em que se podia crer na sua eficácia, mas hoje elas se tornaram ridículas. NINGUÉM MAIS CRÊ NESSAS COISAS E O ESPIRITISMO AS CONDENA. Na época em que a magia florescia tinha-se apenas uma idéia muito imperfeita sobre a natureza dos Espíritos, que se consideravam como seres dotados de poder sobre-humano. Eram evocados para obter-se, mesmo que ao preço da própria alma, os favores da sorte e da fortuna, a descoberta de tesouros, a revelação do futuro ou os filtros. A magia, com a ajuda de seus símbolos, fórmulas e práticas cabalísticas, era considerada capaz de revelar pretensos segredos para realizar prodígios, constranger os Espíritos a se submeterem às ordens dos homens e satisfazerem os seus desejos.
NINGUÉM MAIS CRÊ NESSAS COISAS E O ESPIRITISMO AS CONDENA.
Allan Kardec da obra o Ceu e o Inferno capitulo 10

O Espiritismo CONDENA as praticas da magia.

Vejamos outras observações de Kardec sobre a magia, crendices e supertições.

O Espiritismo e a Magia.

Para as pessoas que gostam de misturar o Espiritismo com a magia, misticismos e umbanda, deveriam ver essas observações Doutrinarias de Kardec.
Allan Kardec não manda ninguém usar velas, incenso, amuletos, talismã, imagens de santos, roupas brancas, exorcismos nada disso existe na Doutrina Espirita.
Sobre esses espiritos que pedem bebidas alcoólicas, cigarros, charutos, despachos e sacrifícios de pobres animais, são espiritos sem luz, espiritos inferiores ainda apegados a matéria.
Os espiritos de luz não pedem e nem precisam de coisas matérias como despachos, oferendas, cigarros, bebidas alcoólicas e nem pedem sacrifícios de animais.
Os espiritos de luz pregam somente as virtudes, a elevação moral, a caridade, o respeito pela vida, a honestidade, a fraternidade, o amor pelos animais.
Perguntamos.
Os espiritos de luz pedem sacrifícios e pobres animais???
Os espiritos de luz pedem ou precisam de bebidas alcoólicas, cigarros, despachos, charutos????

Vejamos as observações de Kardec sobre essas questões.

Quem viu práticas de magia nas evocações espíritas? Houve um tempo em que se podia crer na sua eficácia, mas hoje elas se tornaram ridículas. NINGUÉM MAIS CRÊ NESSAS COISAS E O ESPIRITISMO AS CONDENA. Na época em que a magia florescia tinha-se apenas uma idéia muito imperfeita sobre a natureza dos Espíritos, que se consideravam como seres dotados de poder sobre-humano. Eram evocados para obter-se, mesmo que ao preço da própria alma, os favores da sorte e da fortuna, a descoberta de tesouros, a revelação do futuro ou os filtros. A magia, com a ajuda de seus símbolos, fórmulas e práticas cabalísticas, era considerada capaz de revelar pretensos segredos para realizar prodígios, constranger os Espíritos a se submeterem às ordens dos homens e satisfazerem os seus desejos.
NINGUÉM MAIS CRÊ NESSAS COISAS E O ESPIRITISMO AS CONDENA.


Nenhum objeto, medalha ou talismã tem a propriedade de atrair ou de repelir os Espíritos. As coisas materiais não tem nenhum poder sobre eles. Jamais um bom Espírito aconselha essas práticas absurdas. A virtude dos talismãs nunca existiu, a não ser na imaginação das pessoas crédulas. (O Livro dos Médiuns, cap. XXV.)

Não há nenhuma fórmula sacramental para a evocação dos Espíritos. Quem pretendesse oferecer uma poderia ser justamente chamado de charlatão, porque para os Espíritos a forma nada é. Entretanto, a evocação deve ser feita sempre em nome de Deus. (O Livro dos Médiuns, cap. XVII.)

Todas as fórmulas são charlatanices; não há nenhuma palavra sacramental, nenhum signo cabalístico, nenhum talismã que tenha qualquer ação sobre os Espíritos, porque eles só são atraídos pelo pensamento e não pelas coisas materiais.

Os Espíritos que marcam encontros em lugares lúgubres e a altas horas querem divertir-se à custa dos que lhes dão ouvido. É sempre inútil e freqüentemente perigoso atender a essas sugestões. Inútil porque nada se ganha em ser mistificado, e perigoso, não pelo mal que os Espíritos possam fazer, mas pela influência que isso pode ter sobre as pessoas de cérebro fraco (O Livro dos Médiuns, cap. XXV.)

Não há dias nem horas que sejam mais propícios às evocações. Isso é completamente indiferente para os Espíritos, como tudo o que é material, e crer nessa influência seria simples surperstição. Os momentos mais favoráveis são aqueles em que o evocador pode estar menos preocupado com as suas ocupações habituais, ou em que o seu corpo e o seu Espírito se acham mais tranquilos. (O Livro dos Médiuns, cap. XXV.)

A crítica malévola representa as comunicações espíritas cercadas de práticas ridículas e supersticiosas da magia e a necromancia. Se os que falam do Espiritismo sem o conhecer se dessem ao trabalho de o estudar, poupariam muito gasto de imaginação e evitariam alegações que só servem para demonstrar a sua ignorância ou a sua má fé. Para esclarecimento das pessoas estranhas a esta ciência diremos que, para se comunicar com os Espíritos, não há dias nem horas, nem lugares mais propícios do que outros, para evocá-los não há necessidade de fórmulas nem de palavras sacramentais ou cabalísticas. Nenhuma preparação e nenhuma iniciação também são necessárias. O emprego de qualquer símbolo ou objeto material, seja para os atrair, seja para os repelir, não tem nenhum efeito, bastando para isto o pensamento. Enfim, os médiuns recebem as suas comunicações sem sairem do estado normal, tão simples e naturalmente como se elas fossem ditadas por uma pessoa viva. Só o charlatanismo poderia afetar maneiras excêntricas e acrescentar acessórios ridículos a esses momentos. (O que é o Espiritismo, cap. II, nº 49).


Os Espíritos não podem levar ninguém à descoberta de tesouros. Os Espíritos superiores não se preocupam com essas coisas, mas os Espíritos brincalhões freqüentemente indicam tesouros inexistentes ou podem mostrá-los numa direção, quando se encontram na direção oposta. Isso, por sinal, tem a sua utilidade para mostrar que a verdadeira fortuna está no trabalho. Se a providência destina riquezas ocultas a alguém, este a encontrará naturalmente e não por meio dos Espíritos. (O Livro dos Médiuns, cap. XXVI.)

Esclarecendo-nos a respeito das propriedades dos fluidos, que são os agentes e os meios de ação do mundo invisível, constituindo uma das forças da Natureza, o Espiritismo nos dá a chave de uma infinidade de coisas inexplicadas e inexplicáveis por qualquer outro meio, e que passaram nos tempos antigos por milagres ou prodígios. À maneira do magnetismo, ele nos revela uma lei desconhecida ou pelo menos mal compreendida, ou melhor, da qual conhecíamos os efeitos porque foram produzidos em todos os tempos, mas não conhecíamos a lei que os produz. A ignorância dessa lei deu origem às superstições. Conhecida essa lei o maravilhoso desaparece e os fenômenos entram na ordem das coisas naturais.

Eis porque os Espíritos não realizam nenhum milagre ao movimentarem uma mesa ou nos transmitirem a escrita dos mortos, da mesma maneira que o médico ao devolver um agonizante à vida ou um físico ao provocar um raio. Aquele que pretendesse, com a ajuda da Ciência Espírita, produzir milagres seria um ignorante desta Ciência ou um charlatão interessado em enganar os outros. (O Livro dos Médiuns, cap. II.)


Estendemo-nos nestas citações para mostrar que os princípios do Espiritismo não têm nenhuma relação com a magia. Assim, nada de Espíritos às ordens dos homens, nada de meios para constrangê-los, nada de signos ou fórmulas cabalísticas, nada de descobertas de tesouros ou de processos para enriquecimento, nada de milagres ou prodígios, de adivinhações ou de aparições fantásticas. Enfim, nada do que constitui o fim e os elementos essenciais da magia.
O Espiritismo não somente desaprova todas essas coisas, como demonstra o absurdo da sua prática e a sua ineficácia. Não há, pois, nenhuma analogia entre o fim e os meios da magia e os do Espiritismo. Querer assimilá-los só pode ser obra de ignorância ou de má-fé. E como os princípios do Espiritismo nada têm de secreto, estando formulados em termos claros e sem possibilidades de equívocos, nenhum engano a respeito poderia prevalecer.


Allan Kardec da obra O Ceo e o Inferno.


De: Victor Hugo
Para: Todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 26/04/15 15:44

“ A fé robusta dá a perseverança, a energia e os recursos com que vençamos os obstáculos nas pequenas e grandes coisas”
Allan kardec

Evangelho Segundo o Espiritismo cap. 19 item 02

\"Nunca percais de vista o vosso alvo, nem a rota que deve seguir para a ascensão espiritual.
Pensai no emprego que tendes dado ao tempo que DEUS vos concede na Terra.\" Viúva Foulon (espírito).

Livro O Céu e o Inferno, de Allan Kardec, segunda parte, cap. 2.
........

\"A educação do pensamento, a disciplina dos hábitos e a segurança das metas são os recursos hábeis para o logro, sem os quais as terapias e técnicas para vencer o sofrimento se tornam paliativas, sem resultarem solucionadoras.\" Joanna de Ângelis (espírito), psicografia de Divaldo Franco. Livro: Plenitude
..................................

CONDUTA ESPÍRITA NO TEMPLO

Entrar pontualmente no templo espírita para tomar parte das reuniões, sem provocar alarido ou perturbações. O templo é local previamente escolhido para encontro com as Forças Superiores.
*
Dedicar a melhor atenção aos doutrinadores, sem conversação, bocejo ou tosse bulhenta, para que seja mantido o justo respeito ao lar da oração. Os atos da criatura revelam-lhe os propósitos.
*
Evitar aplausos e manifestações outras, as quais, apesar de interpretarem atitudes sinceras, por vezes geram desentendimentos e desequilíbrios vários. O silêncio favorece a ordem.
*
Com espontaneidade, privar-se dos primeiros lugares no auditório, reservando-os para visitantes e pessoas fisicamente menos capazes. O exemplo do bem começa nos gestos pequeninos.
*
Coibir-se de evocar a presença de determinada entidade, no curso das sessões, aceitando, sem exigência, os ditames da Esfera Superior no que tange ao bem geral. A harmonia dos pensamentos condiciona a paz e o progresso de todos.
*
Acostumar-se a não confundir preguiça ou timidez com humildade, abraçando os encargos que lhe couberem, com desassombro e valor. A disposição de servir, por si só, já simplifica os obstáculos.
*
Desaprovar a conservação de retratos, quadros, legendas ou quaisquer objetos que possam ser tidos na conta de apetrechos para ritual, tão usados em diversos meios religiosos. Os aparatos exteriores têm cristalizado a fé em todas as civilizações terrenas.
*
Oferecer a tribuna doutrinária apenas a pessoas conhecidas dos irmãos dirigentes da Casa, para não acumpliciar-se, inadvertidamente, com pregações de princípios estranhos aos postulados espíritas. Quem se ilumina, recebe a responsabilidade de preservar a luz.
*
Nas reuniões doutrinárias, jamais angariar donativos por meio de coletas, peditórios ou vendas de tômbolas, à vista dos inconvenientes que presentam, de vez que tais expedientes podem ser tomados à conta de pagamento por benefícios. A pureza da prática da Doutrina Espírita deve ser preservada
a todo o custo.
*
“Porque onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.”
Jesus. (Mateus, 18:21.)

André Luiz (espírito). Livro: Conduta Espírita


Livro O Céu e o Inferno, de Allan Kardec, segunda parte, cap. 2.
........

\"A educação do pensamento, a disciplina dos hábitos e a segurança das metas são os recursos hábeis para o logro, sem os quais as terapias e técnicas para vencer o sofrimento se tornam paliativas, sem resultarem solucionadoras.\" Joanna de Ângelis (espírito), psicografia de Divaldo Franco. Livro: Plenitude
.........................

De: Wilson
Para: Os estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 25/04/15 19:39

Estudando a Obsessão de forma racional sem misticismos e surpertições.

São as nossas imperfeições morais, maus pensamentos, maus desejos, vontade fraca, desanimo, vícios que vão atrair pela sintonia mental os espiritos inferiores e obsessores do mundo invisível, a proteção espiritual contra as obsessões esta em nossos pensamentos elevados e nobres e na conduta moral reta na pratica do bem e das virtudes.
Seja forte nos pensamentos e na vontade, como explica o Racionalismo Cristão e o Espiritismo verdadeiro, nós somos o que pensamos e atraímos pelo pensamento o bem ou o mal.
Não adianta usar velas, amuletos, talismã, roupas brancas, imagens de santos, medalhas cabalísticas, é nos pensamentos que esta o nosso poder espiritual.
Os espiritos mistificadores gostam de indicar esses processos místicos para as pessoas ingênuas, de usar objetos matérias sagrados ou mágicos para afastar os maus espiritos, e as pessoas entram nessa furada e não procuram se melhorar moralmente e mentalmente e passam a ficar fracas espiritualmente facilitando a ação dos maus espiritos.
Os espiritos obsessores e embusteiros do plano astral, não querem que as pessoas descubram seu poder espiritual que esta nos PENSAMENTOS E NA VONTADE.
Pessoas de vontade fraca com maus pensamentos, maus desejos, sem animo, sem disposição para lutar pela vida, são um alvo fácil para as falanges de espiritos obsessores, eles querem exatamente isso pessoas de vontade fraca e com pensamentos negativos que acreditam em crendices e surpertições.


Vejamos uma Observação importante do Mestre Kardec sobre a causa das Obsessões.

Assim como as doenças são o resultado das imperfeições físicas, que tornam o corpo acessível às influências perniciosas do exterior, a obsessão é sempre o resultado de uma imperfeição moral, que dá acesso a um mau Espírito. A uma causa física, opõe-se uma força física; a uma causa moral, é necessário opor uma força moral. Para preservar das doenças, fortifica-se o corpo; para garantir contra a obsessão, é necessário fortificar a alma. Disso resulta que o obsedado precisa trabalhar pela sua própria melhoria, o que na maioria das vezes é suficiente para o livrar do obsessor, sem socorrer-se de outras pessoas. Esse socorro se torna necessário quando a obsessão degenera em subjugação e em possessão, porque o paciente perde, por vezes, a sua vontade própria e o seu livre arbítrio.

Vou realçar essa colocação do Mestre Kardec.
A OBSESSÃO É SEMPRE O RESULTADO DE UMA IMPERFEIÇÃO MORAL, QUE DÁ ACESSO A UM MAU ESPÍRITO

São as nossas imperfeições morais que atraem os maus espíritos, essas imperfeições morais são basicamente os maus pensamentos, vícios, maus desejos, maus hábitos, atitudes negativas, a desonestidade, a falsidade, o ódio, a raiva, os desejos de vingança, o egoísmo etc...

As causas básicas das Obsessões foram colocadas por Emmanuel e Cheila na psicografia de Chico Xavier, são:
a) a cabeça e mãos desocupadas
b) a palavra irreverente
c) a boca maledicente
d) a conversa inútil e fútil prolongada
e) a atitude hipócrita
f) o gesto impaciente
g) a inclinação pessimista
h)o apego demasiado a coisas e pessoas
i) o comodismo exagerado
j) a solidariedade ausente
m) considerar nosso trabalho excessivo
n) o desejo de apreço e reconhecimento
o) o impulso de exigir dos outros mais do que de nós mesmos
p) fugir para o álcool ou drogas estupefacientes

São essas imperfeições morais que atraem pela sintonia vibratória dos pensamentos os espíritos inferiores, perturbadores e obsessores do plano astral, a defesa psíquica contra os maus espíritos esta em nossa melhoria Moral e Mental.
O Mestre Allan Kardec, fala em seus livros, que a autoridade que o homem tem sobre os maus espíritos esta no ascendente Moral, enquanto maior este maior é a autoridade, tudo depende do ascendente Moral.
O Mestre Allan Kardec explica, que são as nossas imperfeições morais que vão atrair os maus espíritos, da mesma forma, que as moscas farejam as chagas do corpo, os maus espíritos farejam as chagas morais da alma, para evitar as moscas basta limpar o corpo, para evitar os maus espíritos, basta Limpar nossa alma de suas impurezas morais, essa LIMPEZA MORAL é muito importante para podermos repelir os espíritos perturbadores e obsessores.

Vejamos uma observação do Mestre Kardec, na obra A Gênese.

Dir-se-á que se podem evitar os homens mal intencionados; porém, como subtrair-se à influência dos maus Espíritos que pululam em nosso derredor e se insinuam por toda a parte sem ser vistos?

O meio é muito simples, pois depende da vontade do próprio homem, que traz em si mesmo o preservativo necessário. Os fluidos se unem em razão da semelhança de sua natureza; os fluidos dissemelhantes se repelem; há incompatibilidade entre os bons e os maus fluidos, como entre o azeite e a água.
Que se faz então, quando o ar está viciado? Saneamo-lo, o purificamos, destruindo o foco dos miasmas, combatendo os eflúvios malsãos por correntes mais fortes de ar salubre. À invasão dos maus fluidos, pois, é preciso opor os bons fluidos; e, como cada um tem em seu próprio perispírito uma fonte fluídica permanente, trazemos o remédio em nós mesmos; trata-se de purificar esta fonte e dar-lhe tais qualidades, que sejam um verdadeiro repulsor para as más influências, em lugar de ser para elas uma força de atração. O perispírito é pois uma couraça à qual é preciso dar a melhor têmpera possível; ora, como as qualidades do perispírito estão em razão das qualidades da alma, será preciso trabalhar em sua própria melhoria, POIS SÃO AS IMPERFEIÇÕES DA ALMA QUE ATRAEM OS MAUS ESPÍRITOS.
As moscas se dirigem para onde haja focos de corrupção que as atraem; destruídos tais focos, as moscas desaparecerão. DA MESMA FORMA OS MAUS ESPÍRITOS VÃO ONDE O MAL OS ATRAI; DESTRUÍ O MAL, E ELE SE AFASTARÃO. OS ESPÍRITOS REALMENTE BONS, ENCARNADOS OU DESENCARNADOS, NADA TÊM A TEMER DA INFLUÊNCIA DOS MAUS ESPÍRITOS.
Os espíritos maus descobrem as chagas da alma, como as moscas descobrem as do corpo. Assim, pois, como limpais o corpo para evitar as bicheiras, limpai também a alma das suas impurezas, para evitar as obsessões.

Outra verdade, igualmente verificada pela experiência, e que a lógica comprova, é a completa ineficácia de exorcismos, fórmulas, palavras sacramentais, amuletos, talismãs, práticas exteriores ou quaisquer símbolos materiais

Allan Kardec

 
 
Busca
  
  
  
 
Temas Importantes
- Reencarnação
- Obsessão
- Mediunidade
 
Divulgação
- Indique o Site
- Adicione aos Favoritos
 
Mensagem do dia
“À semelhança de Jesus, utiliza a verdade, a severidade, a honradez docilmente, com amor, porquanto só o amor em qualquer circunstância consegue o milagre da renovação, da esperança e da legítima saúde espiritual”. Joanna de Ângelis
 
Boletim Eletrônico
Cadastre seu e-mail e receba mensagens de Luz, textos e outras informações.
E-mail

Assinar Remover
Copyright© 2004/2015 - O Espiritismo - Araraquara/SP - Todos os direitos reservados

Webmaster