Mensagens de Luz  
 
 
  Textos Espíritas  
 
 
  Mural de Recados  
 
 
  Guia de Centros Espíritas  
 
 
  Ouça Mensagens  
 
 
Página Inicial - O Espiritismo
 Home
 A Doutrina
  O que é?
  Conheça Allan Kardec
  Biografias
  Galeria de Imagens
  Fale Conosco
  Links Indicados
  Sugestão de Livros
  Obras Básicas
 O Espiritismo e Você
  Mensagens de Luz
  Textos Espíritas
  Mural de Recados
  Guia de Endereços
  de Centros Espíritas
  Ouça Mensagens
 
 
>> MURAL DE RECADOS
 
Mural
De: Victor Hugo
Para: SILVIA
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 26/08/16 18:18

ELES ESTÃO VIVOS

Ainda quando não reconheças, de pronto, semelhante verdade, eles te vêem e te escutam!
Quando possível, seguem-te os passos compartilhando-te problemas e aflições.

Compadece-te dos que te precederam na Grande Renovação!
Aqueles que viste partir de mãos desfalecentes nas tuas, doando os derradeiros pensamentos terrestres através dos olhos fitos nos teus, não estão mortos. Entraram em novas dimensões de existência, mas prosseguem de coração vinculado ao teu coração.
Assinalam-te o afeto e agradecem-te a lembrança, no entanto, quase sempre se escoram em tua fé, buscando em ti a fôrça precisa para restauração espiritual que demandam.

Muitos deles, ainda inadaptados a vida diferente que são compelidos a facear, pedem serenidade em tua coragem e apoio em teu amor...
Outros, muitos, jazem mergulhados na bruma da saudade, detidos na sede de reencontro, ante as requisições continuadas dos teus pensamentos de angústia.

Outros muitos, seguem-te ainda. Aqueles que se despediram de ti, depois de longa existência, abençoando-te a vida... Os que amaste, indicando-lhes o caminho para as esferas superiores ... Os que lenantas-te para a luz da esperança e aqueles outros que socorreste um dia com o ósculo da amizade e da beneficiência. Todos te agradecem, estendendo-te os braços no sentido de te auxiliar a transpor as estradas que ainda te cabem percorrer.
Auxilia aos entes queridos na espiritualidade a fim de que te possam auxiliar!

Se lhes recorda a presença e o carinho, preenche o vazioque te impuseram à Alma, abraçando o trabalho que terão deixado de fazer. Sê a voz que lhes reconforte os seres amados ainda na Terra, a força que lhes execute o serviço de paz e amor que não terminaram, a luz para aqueles que lhes lastimam a aus~encia em recantos de sombra ou o amparo em favor daqueles que desejariam continuar sustentando no mundo!

Compadece-te dos entes queridos que te antecederam na Grande Libertação!

Chora, porque a dor é forte e, é fonte de energias renovadoras por dentro do coração, mas chora trabalhando e servindo, auxiliando e amando sempre !
E deixa que os corações amados, hoje no mais Além, te enxuguem as lágrimas, inspirando-te ação e renovação, porque, no futuro, tê-lo-ás a todos positivamente contigo nas alegrias do Novo despertar.



Autor: Emmanuel (espírito)
Psicografia de Chico Xavier

De: silvia lagoa
Para: todos
E-mail: silvia_lagoa@yahoo.com.br
Data: 26/08/16 14:57

Minha mãe desencarnou a dois anos e meio mas eramos muito apegadas e até hoje a dor pela asuencia
dela está insuportável não vejo mais razão para nada
o tempo passa e a dor aumenta,como aliviar tudo isso?

De: bia machado
Para: Victor Hugo
E-mail: biasantosmachado22@gmail.com
Data: 24/08/16 07:09

Victor Hugo, bom dia.
Feliz e grata pelas belas mensagens.
Fazer o bem sem olhar a quem. Refletirem sempre suas colocações.
Que Jesus nos ilumine.

De: wilson
Para: Os estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 23/08/16 14:14

O SOFRIMENTO E SUAS CAUSAS.

O sofrimento tem duas bases ou duas causas principais.
Uma esta na encarnação presente outra esta nas encarnações passadas.
Mais é sempre o ser humano quem cria essa Causa pelo mau uso do livre arbítrio, podemos dizer como explica Kardec, que o homem é sempre punido por aquilo em que pecou, ou seja, ele é punido por suas próprias imperfeições morais, erros, faltas, vícios, crimes e maldades.
Colhemos o que plantamos na vida.
Usando uma metáfora podemos dizer o seguinte.
Quem planta morangos vai colher morangos.
Quem planta pimenta vai colher pimenta.

Vejamos as causas do sofrimento na encarnação presente.
Uma pessoa que se entrega ao vicio do cigarro com o tempo e o uso exagerado do cigarro e da nicotina a pessoa vai criar para si mesma um enfisema pulmonar e vai sofrer muito com isso.
Vejamos que foi ela mesma quem criou esse sofrimento na encarnação presente ela mesma colocou muita nicotina em seu organismo e depois criou um serio problema de saúde.
Um outro exemplo.
Uma pessoa se entrega ao vicio da bebida e com o tempo cria para si mesma uma CIRROSE e com isso vai sofrer muito com essa cirrose, vejamos, que foi ela mesma que criou tal sofrimento na encarnação presente, pelo mau uso do livre arbítrio.
Se ela procurasse usar seu livre arbítrio de forma racional, equilibrada com inteligência ela teria evitado esses sofrimentos, como o enfisema pulmonar e a cirrose.
Um outro exemplo, uma pessoa não procura se preparar para o mercado de trabalho, vive uma vida sem responsabilidades, não procura estudar, se preparar, fazer vários cursos, depois quando ela vai procurar um emprego ela só consegue trabalhos ruins que vai trabalhar muito e ganhar um salário de miséria e com isso ela vai sofrer, vai levar uma vida de privações e dificuldades matérias.
Perguntamos, quem criou essas dificuldades matérias e financeiras???
Foi Deus foi o destino foi um fatalidade qualquer, claro que não, foi a própria pessoa pelo mau uso do livre arbítrio na encarnação presente.
Nós somos punidos pelas nossas próprias imperfeições morais, erros, fraquezas, vícios e maldades.
Quem planta erros e faltas vai colher depois sofrimentos e dores.

OS SOFRIMENTOS QUE TEM SUA CAUSA EM REENCARNAÇÕES PASSADAS.

Todo efeito tem uma causa e toda causa gera um efeito.
Se a causa de tal efeito não esta na encarnação presente esta certamente numa encarnação passada.
Se o sofrimento e a dor não foram criados na encarnação presente pelo mau uso do livre arbítrio, essa causa deve estar numa encarnação passada, a pessoa fez o mal, praticou maldades, crimes, injustiças, vícios, erros e agora esta colhendo o que plantou.
Quem planta o mal vai colher o mal.
Quem mal faz para si o faz.
Quem planta pimenta vai colher pimenta.
Essa é a Lei de causas e efeitos não para punir ou castigar e sim para reajustar os espíritos faltosos.
Quando vemos, pessoas que nascem doentes, cegas, paraliticas, com mongolismo, com câncer ou nascem na miséria passando fome e necessidades isso é efeito de uma causa que não esta na encarnação presente e sim em uma encarnação passada.
O espírito delinqüiu e agora esta sendo reajustado pelas leis espirituais, quem mal faz para si o faz.
Por que, uma pessoa que faz maldades, crimes, injustiças é falso, desonesto, picareta, racista, pedofilo, estuprador não pode ter encarnações leves e feliz no futuro, ele terá certamente encarnações pesadas e doloridas com muitos sofrimentos e dores, por que, quem planta pimenta vai colher pimenta.

Agora existe também o sofrimento natural do mundo terra que são as guerras, violências, crimes, terremotos, furacões, maremotos, tsunamis, que provocam muito sofrimento e dores, não devemos esquecer que vivemos num mundo atrasado e materializado e animalizado como é o mundo terra, existe muitas maldades e covardias nesse mundo, temos que saber viver com muita cautela e vigilância para podermos evitar certos males e sofrimentos.

Basicamente seria isso tentei resumir.

Wilson Moreno



De: Victor Hugo
Para: BIA MACHADO
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 19/08/16 17:24

Irmã Bia, boa tarde!

Se possível, leia as mensagens abaixo e lembre-se sempre:
. não desça a sua vibração até a vibração do agressor.
.Bem-aventurados os mansos e pacíficos, pois, serão consolados. Jesus


Se cumpres o teu dever e não aspiras a outro
prêmio que não seja a consciência tranqüila,
quem te poderá fazer o mal, se procuras
somente o bem?

Pense nisso, atendendo a isso, e verificarás que a
segurança íntima reside em ti mesmo, qual
acontece à paz da alma, que vem a ser
patrimônio de cada um.

Emmanuel (espírito)
Psicografia de Francisco Cândido Xavier. Livro: Benção de Paz
.......

VIVER EM PAZ

\"..Vivei em paz...\"
Paulo, (II CORÍNTIOS. 13:11.)

Mantém-te em paz.
É provável que os outros te guerreiem gratuitamente, hostilizando-te a maneira de viver; entretanto, podes avançar em teu roteiro, sem guerrear a ninguém.

Para isso, contudo - para que a tranqüilidade te banhe o pensamento -, é necessário que a compaixão e a bondade te sigam todos os passos.
Assume contigo mesmo o compromisso de evitar a exasperação.

Junto da serenidade, poderás analisar cada acontecimento e cada pessoa no lugar e na posição que lhes dizem respeito.

Repara, carinhosamente, os que te procuram no caminho...
Todos os que surgem, aflitos ou desesperados, coléricos ou desabridos, trazem chagas ou ilusões. Prisioneiros da vaidade ou da ignorância, não souberam tolerar a luz da verdade e clamam irritadiços... Unge-te de piedade e penetra-lhes os recessos do ser, e identificarás em todos eles crianças espirituais que se sentem ultrajadas ou contundidas.

Uns acusam, outros choram.
Ajuda-os, enquanto podes.
Pacificando-lhes a alma, harmonizarás, ainda mais, a tua vida.
Aprendamos a compreender cada mente em seu problema.

Recorda-te de que a Natureza, sempre divina em seus fundamentos, respeita a lei do equilíbrio e conserva-a sem cessar.

Ainda mesmo quando os homens se mostram desvairados, nos conflitos abertos, a Terra é sempre firme e o Sol fulgura sempre.

Viver de qualquer modo é de todos, mas viver em paz consigo mesmo é serviço de poucos.

Emmanuel (espírito)
Psicografia de Chico Xavier. Livro: Fonte Viva
..............

Não Merecem

Guarde-se do mal e defenda-se dele com a realização do bem operante. O mal não merece consideração.
Há muito que fazer, valorizando a oportunidade de serviço que surge inesperada.
A intriga não merece a atenção dos seus ouvidos.
A injúria não merece o respeito da sua preocupação.
A ingratidão não merece o zelo da sua aflição.
O ultraje não merece o seu revide verbalista.
A mentira não merece a interrupção das suas nobres tarefas.
A exasperação não merece o seu sofrimento.
A perseguição gratuita não merece a sua solicitude.
A maledicência não merece o alto-falante da sua garganta.
A inveja não merece o tempo de que você necessita para o trabalho nobre.

Os maus não merecem a sua inquietação.
Entregue-os ao tempo benfazejo.

Abra os braços ao dever, firme-se no solo do serviço, abrace-se à cruz da responsabilidade, recordando o madeiro onde expirou o Cristo e, em perfeita magnitude, desafie a fúria do mal.
O lídimo cristão é fiel servidor.


Você tem somente um amo a quem prestará contas: Jesus!

Preocupado com o que deve fazer, não pare a escutar os que não têm o que fazer ou nada querem fazer.
Transformando-se em antena viva da inspiração superior, registre o ensinamento evangélico do amor, no coração, viva-o na ação e prossiga sem medo.

Você sabe que em toda seara existem abelhas diligentes e marimbondos destruidores. Também, não ignora “que os maus por si mesmos se destroem”, como afirma a sabedoria popular.


Identifique no obstáculo o ensejo iluminativo e não se detenha.

Por essa razão, enquanto a ventania açoita, guarde a sua fé robusta e, sem dar atenção ao mal, esteja acautelado, porque, não descendo às ondas mentais dos maus, você paira inatingível nas vibrações superiores das Altas Potências da Vida. Doe amor e, assim, faça o bem, para que não venha “a responder por todo mal que haja resultado de não haver praticado o bem”.

Autor: Marco Prisco
Psicografia de Divaldo Franco. Livro: Legado Kardequiano

De: bia machado
Para: todos
E-mail: biasantosmachado22@gmail.com
Data: 18/08/16 18:29

Boa noite irmãos. Tenho estudado a doutrina espírita. Lendo o evangelho e outras obras edificantes. Já passei por momentos difíceis e me libertei. Já perdoei muitos inimigos encarnados e desencadeados. Já pedi e peço perdãoa todos que magoei ou pprejudiquei nesse e em outras vidas. Tenho momentos de opaz e refazimento. Mas quando menos espero aparece outra pessoa pra tentar me prejudicar. Me derrubar. Isso sempre no meu local de trabalho. Quando eu era somente professora ninguém me encher faça. Depois que subi de cargo as coisas começaram a com livra. O porque disso? O que devo fazer.

De: Victor Hugo
Para: Todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 18/08/16 17:39

Bem-aventurados os aflitos, pois, serão consolados. Jesus (Mateus 5:4)

ORAÇÃO REFAZENTE

Almas da Terra,



Quando o fragor das inquietações estiver a ponto de estraçalhar-vos, se nas encruzilhadas não souberdes o caminho a seguir e todas as rotas vos parecerem acesso a abismos; quando insuportável desesperação vos houver arrastado a conclusões infelizes que vos pareçam ser a única solução; quando os infortúnios em vos excruciando tendei a tornar-vos indiferentes ao próprio sofrimento:



tendes o veículo da oração e dispondes do acesso à meditação remediadora.



Talvez, não vos sejam supressos os problemas, nem afastadas as dificuldades; no entanto, dilatareis a visão para melhor e mais apurado discernimento, lobrigareis mais ampla compreensão da Vida e das suas legítimas realidades, experimentareis a presença de forças ignotas que vos penetrarão. Vitalizando-vos, elevar-vos eis a zonas psíquicas relevantes donde volvereis saturados de paz com possibilidades de prosseguirdes não obstante quaisquer difíceis conjunturas existentes ou por existirem.





Porque a prece apazigua e a meditação refaz. A oração eleva enquanto a reflexão sustenta. O pensamento nobre comungando com Deus, em Deus está a Vida, e dialogando em conúbio de amor extravaza as impurezas e se impregna com as sublimes vibrações da afetividade, que se converte em força dinâmica para sustentar as combalidas potencialidades que, então, se soerguem e não mais desfalecem.





Não vos arrojeis desastradamente nas valas da ira irrefreável ou nas vagas da insensatez. Antes que vou assaltem os demônios do crime, erguei-vos do caos, pensando e orando. Há ouvidos atentos que captarão vossos apelos e cérebros poderosos que emitirão mensagens respostas que não deveis desconsiderar. Amores que vos precederam no além-túmulo vigiam e esperam por vós. Amam e aguardam receptividade. Não vos enganeis nem vos desespereis. Tende tento. Falai ao Pai na prece calma e silenciai para o ouvirdes através da inspiração clarificadora. Nada exijais. Quem ora não impõe.





Orar é abrir a alma, externar estados íntimos, refugiar-se na Divina Sabedoria, a fim de abastecer-se de entendimento penetrando-se de saúde interior. E quando retornardes da incursão pela prece exultar, apagando as sombrias expressões anteriores, superando as marcas das crises sofridas e espargindo alegrias em nome da esperança que habitarás em vós.



Trabalhando pelo Bem o Homem ora. Orando na aflição ou na alegria, o Homem trabalha. E orando conseguirá vencer toda a tentação, integrar-se com plenitude no Espírito da Vida que flui da Vida abundante com forças superiores para trabalhar e vencer.

Victor Hugo (espírito), psicografia de Divaldo Franco

De: Marcos
Para: Euggênia
E-mail: marcos@yahoo.com.br
Data: 18/08/16 07:57

Veja o que a Bíblia diz: \"Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para condenar o mundo, mas para que este fosse salvo por meio dele. Quem nele crê não é condenado, mas quem não crê já está condenado, por não crer no nome do Filho Unigênito de Deus. A luz veio ao mundo, mas alguns homens amaram as trevas, e não a luz, porque as suas obras eram más. Quem pratica o mal odeia a luz e não se aproxima da luz, temendo que as suas obras sejam manifestas. Mas quem pratica a verdade vem para a luz, para que se veja claramente que as suas obras são realizadas por intermédio de Deus\"

De: Marcos
Para: Eugênia
E-mail: marcos@yahoo.com.br
Data: 18/08/16 07:30

Caríssima irmã que Jesus ilumine sua vida.

Jesus é a luz do mundo que ilumina o nosso coração e revela o caminho para o Pai. Mas essa Luz é tão forte, que às vezes nós queremos fugir dela, para que ninguém veja os nossos pecados e a nossa sujeira interior. Então ficamos no escuro, no esconderijo da alma e nunca somos iluminados por Ele. Não estou afirmando que este seja seu caso.

veja continuação próxima mensagem

De: Victor Hugo
Para: Todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 17/08/16 14:53

A fé robusta dá a perseverança, a energia e os recursos com que vençamos os obstáculos nas pequenas e grandes coisas.

Allan Kardec

O Evangelho Segundo o Espiritismo cap. 19 item 02

De: Eugênia Maria de Faria
Para: marcos@yahoo.com.br
E-mail: eugenia.mf@hotmail.com
Data: 16/08/16 14:42

Ore por mim Marcos, por favor, estou atravessando uma noite longa e muito escura...

De: Victor Hugo
Para: Todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 15/08/16 10:39

SEMPRE COM DEUS

Lembra-te de Deus para que saibas agradecer os talentos da vida.
Se te encontras cansado, pensa Nele, o eterno Pai que jamais descansa. Como nos ensinou o próprio Jesus, o Pai trabalha constantemente.
Se te encontras triste, eleva a Deus os teus sentimentos, meditando na alegria solar com que, todas as manhãs, a infinita bondade do Pai dissolve as trevas, anunciando um dia novo de oportunidades.
Se estás doente pensa em como Deus, na sua compaixão e equilíbrio, reajusta os quadros da natureza. Pensa em como após a tempestade que arranca árvores centenárias e destrói montanhas, tudo se asserena.
Se te sentes incompreendido, ainda assim volta-te para Deus. Ele, o eterno doador de todas as bênçãos, quantas vezes é incompreendido pelas criaturas que criou e sustenta. Mesmo assim, a sua paciência inesgotável não desanima, aguardando que nos decidamos por abandonar nossas imperfeições.
Se te sentes humilhado, entrega a Deus as dores da tua sensibilidade ferida ou do orgulho menosprezado, refletindo no anonimato com que ele esconde a sua imensa grandeza, servindo-nos todos os dias.
Se te sentes sozinho, busca a companhia sublime de Deus na pessoa daqueles que seguem na retaguarda, cambaleantes de sofrimento. Os mais solitários que tu mesmo, que se encontram em provações mais difíceis que as tuas. Procura aqueles que a miséria encara todas as horas e necessitam da tua ajuda para matar a fome, a sede, acalmar a dor.
Sai de ti mesmo e procura-os. Eles se encontram nas favelas, nas praças, nos hospitais, nos asilos, nas prisões. Talvez, ao teu lado, nos familiares que te esperam um gesto de carinho, uma palavra amiga, um pouco de atenção.
Se estás aflito, confia a Deus as tuas ansiedades. Fala-lhe de tudo aquilo que te vai na intimidade e Nele, que é o amor, todas as tuas tormentas haverão de se acalmar.
Enfim, seja qual for a dificuldade, recorda o todo misericordioso que não nos esquece.
Na oração haverás de encontrar a força a fim de te ergueres e superares os problemas, pequenos ou grandes que te estejam a supliciar.
Na oração, que é rota de luz, não haverá de te faltar o ânimo para enfrentar mais este dia, com coragem, bom ânimo e alegria, porque, afinal de contas, dia como este nunca houve e nem haverá igual.
***
Na vida, auxilia quanto puderes. Faze o bem sem olhar a quem.
Imagina que és o lavrador e o teu próximo é o campo. Tu plantas e o outro produz. Tu és o celeiro, o outro é o cliente.
Se desejas seguir para Deus, pensa que entre Deus e tu mesmo, o próximo é a ponte.
O Criador atende às criaturas através das criaturas.
Por isso mesmo, é preciso viver e servir.
(Equipe de Redação do Momento Espírita, baseado nos caps. 13 e 19 do livro \"O Espírito da Verdade, ed. FEB)

 
 
Busca
  
  
  
 
Temas Importantes
- Reencarnação
- Obsessão
- Mediunidade
 
Divulgação
- Indique o Site
- Adicione aos Favoritos
 
Mensagem do dia
A cada um será dado de acordo com as suas obras. Jesus
 
Boletim Eletrônico
Cadastre seu e-mail e receba mensagens de Luz, textos e outras informações.
E-mail

Assinar Remover
Copyright© 2004/2016 - O Espiritismo - Araraquara/SP - Todos os direitos reservados

Webmaster