Mensagens de Luz  
 
 
  Textos Espíritas  
 
 
  Mural de Recados  
 
 
  Guia de Centros Espíritas  
 
 
  Ouça Mensagens  
 
 
Página Inicial - O Espiritismo
 Home
 A Doutrina
  O que é?
  Conheça Allan Kardec
  Biografias
  Galeria de Imagens
  Fale Conosco
  Links Indicados
  Sugestão de Livros
  Obras Básicas
 O Espiritismo e Você
  Mensagens de Luz
  Textos Espíritas
  Mural de Recados
  Guia de Endereços
  de Centros Espíritas
  Ouça Mensagens
 
 
>> MURAL DE RECADOS
 
Mural
De: Nely
Para: Victor Hugo
E-mail: nely74@hotmail.com
Data: 25/02/15 17:21

Boa tarde! como seria bom que sua mensagem chegasse a todas as casas espiritas, leiga que sou busquei o bom senso e confesso ja vi casa uma e ainda vejo! não julgo, por ter entendido a escala evolutiva diferenciada. Estou ainda no inicio dos estudos e as salas de aula da FEESP estão cheias! sabe tenho uma enorme preocupação do ensino deles, estou satisfeita com o que tenho presenciado no ensino. Mas e depois? e de cada um o reconhecimento de si e sua missão. Agir..no bem maior, aprender a enxugar lagrimas do próximo para que Deus enxugue as nossas..Chico Xavier - abraço

De: Victor Hugo
Para: Todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 22/02/15 22:40

REFLEXÕES SOBRE O CENTRO ESPÍRITA

Autor: J. Herculano Pires. Livro: O Centro Espírita


Se os espíritas soubessem o que é o Centro Espírita, quais são realmente a sua função e a sua significação, o Espiritismo seria hoje o mais importante movimento cultural e espiritual da Terra.

Temos no Brasil – e isso é um consenso universal – o maior, mais ativo e produtivo movimento espírita do planeta. A expansão do Espiritismo em nossa terra é incessante e prossegue em ritmo acelerado. Mas o que fazemos, em todo este vasto continente espírita, é um imenso esforço de igrejificar o Espiritismo, de emparelhá-lo com as religiões decadentes e ultrapassadas, formando por toda parte núcleos místicos e, portanto fanáticos, desligados da realidade imediata. Dizia o Dr. Souza Ribeiro, de Campinas, nos últimos tempos de sua vida de lutas espíritas: \"Não compareço a reuniões de espíritas rezadores! \"E tinha razão, porque nessas reuniões ele só encontrava turba dos pedintes, suplicando ao Céu ajuda.

Ninguém estava ali para aprender a Doutrina, para romper a malha de teia de aranha do igrejismo piedoso e choramingas. A domesticação católica e protestante criara em nossa gente uma mentalidade de rebanho. O Centro Espírita tornou-se uma espécie de sacristia leiga em que padres e madres ignorantes indicavam aos pedintes o caminho do Céu. A caridade esmoler, fácil e barata, substituiu as gordas e faustosas doações à Igreja. Deus barateara a entrada a entrada do Céu, e até mesmo os intelectuais que se aproximam do Espiritismo e que tem o senso crítico, se transformam em penitentes. Associações espíritas, promissoramente organizadas, logo se transformam em grupos de rezadores pedinchões. O carimbo da igreja marcou fundo a nossa mentalidade em penúria. Mais do que subnutrição do povo, com seu cortejo trágico de endemias devastadoras, o igrejismo salvacionista depauperou a inteligência popular, com seu cortejo de carreirismo político – religioso, idolatria mediúnica, misticismo larvar, o que é pior, aparecimento de uma classe dirigente de supostos missionários e mestres farisaicos, estufados de vaidade e arrogância. São os guardiães dos apriscos do templo, instruídos para rejeitar os animais sacrificiais impuros, exigindo dos beatos a compra de oferendas puras nos apriscos sacerdotais. Essa tendência mística popular, carregada de superstições seculares, favorece a proliferação de pregadores santificados, padres vieiras sem estalo, tribunos de voz empostada e gesticulação ensaiada. Toda essa carga morta esmaga o nosso movimento doutrinário e abre as suas portas para a infestação do sincretismo religioso afro-brasileiro, em que os deuses ingênuos da selva africana e das nossas selvas superam e absorvem o antigo e cansado deus cristão.

Não há clima para o desenvolvimento da Cultura Espírita. As grandes instituições Espíritas Brasileiras e as Federações Estaduais investem-se por vontade própria de autoridade que não possuem nem podem possuir, marcadas que estão por desvios doutrinários graves, como no caso do roustainguismo da FEB e das pretensões retrógradas de grupelhos ignorantes de adulterados. Teve razões de sobra André Dumas, do Espiritismo Francês, em denunciar recentemente, em entrevista à revista Manchete, a situação católica e na verdade de anti-espírita do Movimento Espírita brasileiro. A domesticação clerical dos espíritas ameaça desfibrar todo o nosso povo, que por sua formação igrejeira tende a um tipo de alienação esquizofrênica que o Espiritismo sempre combateu, desde a proclamação de fé racional contra a fé cega e incoerente, submissa e farisaica das pregações igrejeiras.

Jesus ensinou a orar e vigiar, recomendou o amor e a bondade, pregou a humanidade, mas jamais aconselhou a viver de orações e lamúrias, santidade fingida, disfarçada em vãs aparências de humildade, que são sempre desmentidas pelas ambições e a arrogância incontroláveis do homem terreno.

Para restabelecermos a verdade espírita entre nós e reconduzirmos o nosso movimento a uma posição doutrinária digna e coerente, é preciso compreender que a Doutrina Espírita é um chamado viril à dignidade humana, à consciência do homem para deveres e compromissos no plano social e no plano espiritual, ambos conjugados em face das exigências da lei superior da Evolução Humana. Só nos aproximaremos da angelitude, o plano superior da Espiritualidade, depois de nos havermos tornado Homens.

Os espíritas atuais, na sua maioria, tanto no Brasil como no mundo, não compreenderam ainda que estão num ponto intermediário da filogênese da divindade. Superando os reinos inferiores da Natureza, segundo o esquema poético de Léon Denis, na seqüência divinamente fatal de Kardec: mineral, vegetal, animal e homem, temos o ponto neutro de gravidade entre duas esferas celestes, e esse ponto é o que chamamos ESPÍRITA. As visões fragmentárias da Realidade se fundem dialeticamente na concepção monista preparada pelo monoteísmo. Liberto, no ponto neutro, da poderosa reação da Terra, o espírita está em condições de se elevar ao plano angélico. Mas estar em condições é uma coisa, e dar esse passo para a divindade é outra coisa. Isso depende do grau de sua compreensão doutrinária e da sua vontade real e profunda, que afeta toda a sua estrutura individual. Por isso mesmo, surge então o perigo da estagnação no misticismo, plano ilusório da falsa divindade, que produz as almas viajoras de Plotino, que nada mais são do que os espíritos errantes de Kardec. Essas almas se projetam no plano da Angelitude, mas não conseguem permanecer nele, cedendo de novo a atração terrena da encarnação.

Muitas vezes repetem a tentativa, permanecendo errantes entre as hipóstases do Céu e da Terra. Plotino viu essa realidade na intuição filosófica e na vidência platônica. Mas Kardec a verificou em suas pesquisas espíritas, escudadas na observação racional dos fatos. Apoiado na Razão, essa bússola do Real, ele nos livrava dos psicotrópicos do misticismo, oferendo-nos a verdade exata da Doutrina Espírita. Nela temos a orientação precisa e segura dos planos ou hipóstases superiores, sem o perigo dos ciclos muitas vezes repetidos do chamado Círculo Vicioso das Reencarnações, que os ignorantes pretendem opor à realidade incontestável da reencarnação. Pois se existe esse círculo vicioso, é isso bastante para provar o processo reencarnatório. O vício não está no processo, mas na precipitação dos homens e dos espíritos não devidamente amadurecidos, que tentam forçar a Porta do Céu.

Se no Brasil sofremos os prejuízos do religiosismo ingênuo de nossa formação cultural, na França e nos demais países europeus -segundo as próprias declarações de André Dumas – o prejuízo provém de um cientificismo pretensioso, que despreza a tradição francesa da pesquisa científica espírita, procurando substituí-la pelas pesquisas e interpretações parapsicológicas. Esse menosprezo pedante pelo trabalho modelar de Kardec levou o próprio Dumas a desrespeitar a tradição secular da Revue Spirite, transformando-a num simulacro da revista científica do Ano 2.000. As pesquisas da parapsicologia seguiram o esquema de Kardec e foram cobrindo no tempo, sucessivamente, todas as conquistas do sábio francês. Pegada por pegada, Rhine e seus companheiros cobriram o rastro científico de Kardec. O mesmo já acontecera com Richet na metapsíquica, com Crookes e Zollner e todos os demais. Toda a pesquisa psíquica honesta é válida, nesse campo, até mesmo a dos materialistas russos atuais ficaram presas ao esquema de Kardec, o que prova a validade irrevogável desta. Começando pela observação dos fenômenos físicos, todas as Ciências Psíquicas, nascidas do Espiritismo fizeram a trajetória fatal traçada pelo gênio de Kardec e chegaram as suas mesmas conclusões.

As discordâncias interpretativas foram sempre marcadas indelevelmente pelos preconceitos e as precipitações da advertência de Descartes no Discurso do Método e pela sujeição aos interesses das Igrejas, como Kardec já assinalara em seu tempo. A questão da terminologia é puramente supérflua, e como dissera Kardec, serve apenas para provar a leviandade do espírito humano, mesmo dos sábios, sempre mais apegado à forma que ao fundo do problema. No Espiritismo o quadro fenomênico foi dividido por Kardec em duas seções: Fenômenos Físicos e Fenômenos Inteligentes. Na Metapsíquica, Richet apresentou o esquema de Metapsíquica objetiva e Metapsíquica subjetiva. Na Parapsicologia os fenômenos espíritas passaram a chamar-se Fenômeno Psi, com divisão de Psicapa ( objetivos ) e Psigama ( subjetivos ). Quanto aos métodos de pesquisa, Crookes e Richet ativeram-se à metodologia científica da época, e Rhine limitou-se a passar dos métodos qualitativos para os quantitativos, inventando aparelhagens apropriadas aos processos tecnológicos atuais, apelando à estatística como forma de controle e comprovação dos resultados, o que simplesmente corresponde às exigências atuais nas Ciências.

Kardec teve a vantagem de haver acentuado enfaticamente a necessidade de adequação do método ao objeto específico da pesquisa. O próprio método hipnótico de regressão da memória, para as pesquisas da reencarnação aplicado por Albert De Rochas do século passado, foi aproveitado pelo Prof. Vladimir Raikov. Na Romênia, o preconceito quanto ao Espiritismo gerou uma nova denominação para Parapsicologia: Psicotrônica. Com esse nome rebarbativo, os materialistas romenos pretendem exorcizar os perigos de renascimento espírita em seu país.

Todos esses fatos nos mostram que a Doutrina Espírita não chegou ainda a ser conhecida pelos seus próprios adeptos em todo o mundo. Integrado no processo doutrinário de trabalho e desenvolvimento, o Centro Espírita carecia até agora de um estudo sobre as suas origens, o seu sentido e a sua significação no panorama cultural do nosso tempo. É o que procuramos fazer neste volume, com as nossas deficiências, mas na esperança de que outros estudiosos procurem completar o nosso esforço. Lembrando o Apóstolo Paulo, podemos dizer que os espíritas estão no momento exato em que precisam desmamar das cabras celestes para se alimentarem de alimentos sólidos. Os que desejam atualizar a Doutrina, devem antes cuidar de se atualizarem nela.

De: wilson
Para: Os Estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 21/02/15 15:54

CARÍSSIMOS, NÃO ACREDITEIS EM TODOS OS ESPÍRITOS, MAS PROVAI SE OS ESPÍRITOS SÃO DE DEUS, PORQUE SÃO MUITOS OS FALSOS PROFETAS, QUE SE LEVANTARAM NO MUNDO. (JOÃO, EPÍSTOLA I, CAP. IV: 1)

Entidades que bebem, fumam, falam palavrões e pedem sacrifícios de pobres animais merecem nossa confiança???
Os espíritos de luz não falam palavrões e nem usam palavras agressivas de baixo nível moral.
Os espíritos de luz respeitam os animais e pregam o amor por eles, somente espíritos inferiores e maldosos pedem sacrifícios de pobres animais, para poderem sugarem os fluidos vitais que esta no sangue derramado no sacrifício.
São espíritos sem luz e ignorantes que pedem bebidas alcoólicas, cigarros, oferendas, sacrifícios de animais, essas entidades são maliciosas, falam palavrões e são debochadas.
São espíritos apegados a matéria, espíritos sem luz.


Perguntamos.
Você acha certo matar animais para essas entidades sujas e ignorantes do plano astral???
Você acha que espíritos de luz vão falar palavrões e pedir cigarros, charutos e cachaça???
Você acredita nessas entidades que bebem e fumam???
Você acredita cegamente em tudo aquilo que elas falam???
Os espíritos elevados não pedem coisas matérias como velas, despachos, cigarros, charutos, bebidas alcoólicas, sacrifícios de animais, somente espíritos apegados a matéria e aos vícios terrenos é que pedem essas coisas.
Os bons espíritos ou espíritos de luz estão com seus pensamentos e sentimentos moralmente depurados, eles não possuem maus desejos, vícios e maus pensamentos e nem tem apegos as coisas matérias.
Esses espíritos que pedem coisas matérias como velas, cigarros, charutos, cachaça, comida, oferendas, despachos, são espíritos inferiores, sem luz, não confie nesses espíritos, cuidado.
Entidades que bebem, fumam, pedem sangue de animais, pedem despachos e velas, são entidades sem luz, entidades condicionada as sensações terrenas, cuidado, elas são maliciosas, espertas, mentem, enganam, tomam nomes falsos e usam uma linguagem sedutora.
Repila essas entidades que pedem bebida alcoólica, cigarros, charutos e sangue de pobres animais.


Você acha que um espírito de luz vai pedir essas coisas???
Quem se envolve com esses espíritos inferiores vai parar na miséria material e espiritual.
Portanto, meus amigos devemos julgar e analisar tudo que venha dos espíritos com muito cuidado, não aceitem nada sem exame.
Existem muitos espíritos enganadores, mentirosos e hipócritas vagando pelo mundo espiritual, eles são espertos, maliciosos, tomam nomes falsos, usam uma linguagem doce, suave e melosa para SEDUZIR e enganar as pessoas.
Vocês acham que os espíritos mistificadores são burros ou idiotas para usarem uma linguagem grosseira, ímpia e agressiva, claro que não, eles são espertos e malandros procuram enganar as pessoas na lábia doce, eles falam macio, são lobos em pele de ovelhas.
Desconfiai desses espíritos que usam sempre uma linguagem melosa e doce, procurem passar pelo Crivo severo da Razão e da Lógica todas as informações e mensagens que venha do plano espiritual, lá como cá, existem os enganadores e malandros.
Não aceitem nada sem rigoroso exame.
Essas entidades que pedem bebidas alcoólicas, cigarros, despachos, charutos, velas, comida e ate sacrifícios de inocentes animais, são espíritos que estão apegados a matéria e aos vícios e desejos terrenos.
Não acredite nessas entidades, raciocine e examine tudo.


Existem muitos espíritos mentirosos, sedutores, enganadores, hipócritas vagando sem rumo no mundo espiritual, eles tomam nomes falsos, nomes venerados e importantes para enganar as pessoas, usam quase sempre uma linguagem melosa, doce, suave, eles falam macio, tudo para seduzir as pessoas, eles são bons na lábia, cuidado, orar e vigiar.
Eles podem tomar o nome da sua mãe, do seu pai, do seu filho, que já estejam desencarnados para enganar as pessoas, temos que avaliar e analisar tudo com muita calma, cuidado, sem empolgação, temos que passar tudo pelo crivo severo da razão e da lógica, qualquer vacilo eles nos enganam e podem nos obsedar.
Não aceite nada sem exame, seja frio, calmo, racional, não se empolgue com facilidade, os espíritos desencarnados podem ler nossos pensamentos e descobrir coisas sobre nós e eles se utilizam disso para nos iludir, eles podem ler nosso pensamento e saber o nome dos nossos amigos, pai, mãe, filhos e usar esses nomes para nos seduzir e enganar.
Eles podem também tomar formas fluídicas falsas para enganar os médiuns videntes, muitos espíritos enganadores do plano astral tomam falsas aparências, vestuários fluídicos e se apresentam como médicos, militares, índios, professores, ou podem tomar a forma fluídica de algum parente ou amigo da pessoa para se apresentar ao médium vidente e a pessoa na sua ingenuidade, pensa que realmente é seu parente ou amigo já desencarnado, mais é um sabichão um espírito picareta, mentiroso e embusteiro, que tomou aquela forma astral ou fluídica para enganar o médium vidente.
Fiquem alertas não seja um bobão que acredita em tudo, cuidado com a linguagem melosa e sedutora desses espíritos.
O ponto forte deles é a lábia envolvente e doce, a picada suave da serpente mentirosa.

Wilson Moreno.

De: wilson
Para: os estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 20/02/15 11:32

Os perigos do mundo espiritual.

O estudo do mundo invisível exige muita prudência e perseverança. Somente ao fim de muitos anos de reflexão e de observação é que se adquire o conhecimento da vida, é que se aprende a julgar os homens, a discernir o seu caráter, a resguardar-se dos embustes de que está semeado o mundo. Mais difícil ainda de obter é o conhecimento da Humanidade invisível que nos cerca e paira acima de nós.
O Espírito desencarnado acha-se, além da morte, tal como ele próprio se fez durante sua estada neste mundo. Nem melhor nem pior. Para domar uma paixão, corrigir uma falta, atenuar um vício é, algumas vezes, necessária mais de uma existência. Daí resulta que, na multidão dos Espíritos, os caracteres sérios e refletidos estão, como na Terra, em minoria, e os Espíritos levianos, amantes de coisas pueris e vãs, formam numerosas legiões.

O mundo invisível é, pois, em mais vasta escala, a reprodução do mundo terrestre. Lá, como aqui, a verdade e a Ciência não são partilha de todos. A superioridade intelectual e moral só se obtém por um trabalho lento e contínuo, pela acumulação de progressos realizados no curso de longa série de séculos.
Sabemos, entretanto, que esse mundo oculto reage constantemente sobre o mundo corpóreo. Os mortos influenciam os vivos, os guiam e inspiram à vontade. Os Espíritos atraem-se em razão de suas afinidades. Os que despiram as vestes carnais assistem os que ainda estão com elas. Estimulam-nos no caminho do bem; porém, mais vezes ainda, nos impelem ao do mal.
Os Espíritos superiores só se manifestam nos casos em que sua presença é útil e pode facilitar o nosso melhoramento. Fogem das reuniões bulhentas e só se dirigem a homens animados de intenções puras. Pouco lhes convém as nossas regiões obscuras. Desde que podem, voltam para os meios menos carregados de fluidos grosseiros, mas, apesar da distância, não cessam de velar pelos seus protegidos.

Os Espíritos inferiores, incapazes de aspirações elevadas, comprazem-se em nossa atmosfera. Mesclam-se em nossa vida e, preocupados unicamente com o que cativava seu pensamento durante a existência corpórea, participam dos prazeres e trabalhos daqueles a quem se sentem unidos por analogias de caráter ou de hábitos. Algumas vezes mesmo, dominam e subjugam as pessoas fracas que não sabem resistir às suas influências. Em certos casos, seu império torna-se tal que podem impelir suas vítimas ao crime e à loucura. i; nesses casos de obsessão e possessão, mais comuns do que se pensa, que encontramos a explicação de numerosos fatos relatados pela História.

HÁ PERIGO PARA QUEM SE ENTREGA SEM RESERVAS ÀS EXPERIMENTAÇÕES ESPÍRITAS. O HOMEM DE CORAÇÃO RETO, DE RAZÃO ESCLARECIDA E MADURA, PODE DAÍ RECOLHER CONSOLAÇÕES INEFÁVEIS E PRECIOSOS ENSINOS. MAS AQUELE QUE SÓ FOSSE INSPIRADO PELO INTERESSE MATERIAL OU QUE SÓ VISSE NESSES FATOS UM DIVERTIMENTO FRÍVOLO TORNAR-SE-IA FATALMENTE O OBJETO DE UMA INFINIDADE DE MISTIFICAÇÕES, JOGUETE DE ESPÍRITOS PÉRFIDOS QUE, LISONJEANDO SUAS INCLINAÇÕES, SEDUZINDO-O POR BRILHANTES PROMESSAS, CAPTARIAM SUA CONFIANÇA, PARA, DEPOIS, ACABRUNHÁ-LO COM DECEPÇÕES E ZOMBARIAS.

E portanto, necessária uma grande prudência para se entrar em relação com o mundo invisível. O bem e o mal, a verdade e o erro nele se misturam, e, para distingui-los, cumpre passar todas as revelações, todos os ensinos pelo crivo de um julgamento severo. Nesse terreno ninguém deve aventurar-se senão passo a passo, tendo nas mãos o facho da razão. Para expelir as más influências, para afastar a horda dos Espíritos levianos ou maléficos, basta tornar-se senhor de si mesmo, jamais abdicar o direito de verificação e de exame; é bastante procurar, acima de tudo, os meios de se aperfeiçoar no conhecimento das leis superiores e na prática das virtudes. Aquele cuja vida for reta, e que procure a verdade com o coração sincero, nenhum perigo tem a temer. Os Espíritos de luz distinguem, vêem suas intenções, e assistem-no. Os Espíritos enganadores e mentirosos afastam-se do justo, como um exército diante de uma cidadela bem defendida. Os obsessores atacam de preferência os homens levianos que descuram das questões morais e que em tudo procuram o prazer ou o interesse.
Laços cuja origem remonta às existências anteriores unem quase sempre os obsidiados aos seus perseguidores invisíveis. A morte não apaga as nossas faltas nem nos livra dos inimigos. Nossas Iniqüidades recaem, através dos séculos, sobre nós mesmos, e aqueles que as sofreram perseguem-nos, às vezes, com seu ódio e vingança, de além-túmulo. Assim o permite a justiça soberana. Tudo se resgata, tudo se expia. O que, nos casos de obsessão e de possessão, parece anormal, iníquo muitas vezes não é senão a conseqüência das espoliações e das infâmias praticadas no obscuro passado.


PARA EXPELIR AS MÁS INFLUÊNCIAS, PARA AFASTAR A HORDA DOS ESPÍRITOS LEVIANOS OU MALÉFICOS, BASTA TORNAR-SE SENHOR DE SI MESMO, JAMAIS ABDICAR O DIREITO DE VERIFICAÇÃO E DE EXAME; É BASTANTE PROCURAR, ACIMA DE TUDO, OS MEIOS DE SE APERFEIÇOAR NO CONHECIMENTO DAS LEIS SUPERIORES E NA PRÁTICA DAS VIRTUDES. AQUELE CUJA VIDA FOR RETA, E QUE PROCURE A VERDADE COM O CORAÇÃO SINCERO, NENHUM PERIGO TEM A TEMER. OS ESPÍRITOS DE LUZ DISTINGUEM, VÊEM SUAS INTENÇÕES, E ASSISTEM-NO. OS ESPÍRITOS ENGANADORES E MENTIROSOS AFASTAM-SE DO JUSTO, COMO UM EXÉRCITO DIANTE DE UMA CIDADELA BEM DEFENDIDA. OS OBSESSORES ATACAM DE PREFERÊNCIA OS HOMENS LEVIANOS QUE DESCURAM DAS QUESTÕES MORAIS E QUE EM TUDO PROCURAM O PRAZER OU O INTERESSE.

Leon Denis da obra Depois da Morte.

De: Victor Hugo
Para: t
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 19/02/15 12:13


\"A caridade e a fraternidade não se decretam em leis. Se urna e outra não estiverem no coração, o egoísmo aí sempre imperará. Cabe ao Espiritismo fazê-las penetrar nele.\"


ALLAN KARDEC, O Evangelho Segundo o Espiritismo, cap. 25 (Buscai e Achareis, item 8).



De: Nely
Para: todos
E-mail: nely74@hotmail.com
Data: 17/02/15 01:42

que se considera invulnerável nas opiniões que emita ou na conduta que espose;

que não reconhece as próprias falhas e vigia incessantemente as faltas alheias;

que não se dispões a pronunciar uma só frase de consolação e esperança, em favor dos caídos na penúria moral;

que se utiliza da verdade exclusivamente para ameaçar ou ferir...

Será talvez de todos nós aquele que mais exija entendimento e ternura, de vez que, desajustado na intolerância, se mostra sempre desvalido de paz e necessitado de amor.

Francisco Cândido Xavier
Da obra: \"Ceifa de Luz\"

De: Victor Hugo
Para: Todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 14/02/15 13:33

NÃO ESTRAGUE O SEU DIA

A sua irritação não solucionará problema algum.

As suas contrariedades não alteram a natureza das coisas.

Os seus desapontamentos não fazem o trabalho que só o tempo conseguirá realizar.

O seu mau humor não modifica a vida.

A sua dor não impedirá que o Sol brilhe amanhã sobre os bons e os maus.

A sua tristeza não iluminará os caminhos.

O seu desânimo não edificará a ninguém.

As suas lágrimas não substituem o suor que você deve verter em benefício da sua própria felicidade.

As suas reclamações, ainda mesmo afetivas, jamais acrescentarão nos outros um só grama de simpatia por você.

Não estrague o seu dia.

Aprenda, com a Sabedoria Divina, a desculpar infinitamente, construindo e reconstruindo sempre para o Infinito Bem.

André Luiz (espírito), psicografia de Francisco Cândido Xavier. Livro: Agenda Cristã


COM JESUS

A renúncia será um privilégio para você.

O sofrimento glorificará sua vida.

A prova dilatará seus poderes.

O trabalho constituirá título de confiança em seu caminho.

O sacrifício sublimará seus impulsos.

A enfermidade do corpo será remédio salutar para a sua alma.

A calúnia lhe honrará a tarefa.

A perseguição será motivo para que você abençoe a muitos.

A angústia purificará suas esperanças.

O mal convocará seu espírito à prática do bem.

O ódio desafiar-lhe-á o coração aos testemunhos de amor.

A Terra, com os seus contrastes e renovações incessantes, representará bendita escola de aprimoramento individual, em cujas lições purificadoras deixará você o egoísmo para sempre esmagado.


André Luiz (espírito), psicografia de Francisco Cândido Xavier. Livro: Agenda Cristã

De: wilson
Para: os estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 13/02/15 12:45

Estudando a Obsessão e o Vampirismo.

Vejamos uma observação importante de Kardec.

As imperfeições morais dão acesso aos Espíritos obsessores, e de que o meio mais seguro de livrar-se deles é atrair os bons pela prática do bem.
Os Espíritos bons são naturalmente mais poderosos que os maus e basta a sua vontade para os afastar, mas assistem apenas aqueles que os ajudam, por meio dos esforços que fazem para melhorarem.
Do contrário se afastam e deixam o campo livre para os maus Espíritos, que se transformam assim em instrumentos de punição, pois os bons os deixam agir com esse fim.

O melhor meio de expulsar os maus Espíritos é atrair os bons. Portanto, atrai os bons Espíritos, fazendo o maior bem possível, que os maus fugirão, pois o bem e o mal são incompatíveis.
Sede sempre bons e só tereis bons Espíritos ao vosso lado.

Como disse o Mestre Kardec.
O BEM E O MAL SÃO INCOMPATÍVEIS.
O MELHOR MEIO DE EXPULSAR OS MAUS ESPÍRITOS É ATRAIR OS BONS. PORTANTO, ATRAI OS BONS ESPÍRITOS, FAZENDO O MAIOR BEM POSSÍVEL, QUE OS MAUS FUGIRÃO, POIS O BEM E O MAL SÃO INCOMPATÍVEIS.
SEDE SEMPRE BONS E SÓ TEREIS BONS ESPÍRITOS AO VOSSO LADO.

As causas básicas das Obsessões foram colocadas por Emmanuel e Cheila na psicografia de Chico Xavier, são:
a) a cabeça e mãos desocupadas
b) a palavra irreverente
c) a boca maledicente
d) a conversa inútil e fútil prolongada
e) a atitude hipócrita
f) o gesto impaciente
g) a inclinação pessimista
h)o apego demasiado a coisas e pessoas
i) o comodismo exagerado
j) a solidariedade ausente
m) considerar nosso trabalho excessivo
n) o desejo de apreço e reconhecimento
o) o impulso de exigir dos outros mais do que de nós mesmos
p) fugir para o álcool ou drogas estupefacientes

São essas imperfeições morais que atraem pela sintonia vibratória dos pensamentos os espíritos inferiores, perturbadores e obsessores do plano astral, a defesa psíquica contra os maus espíritos esta em nossa melhoria Moral e Mental.

Os maus espíritos não têm nenhum poder sobre as pessoas de Bem, os bons pensamentos, os sentimentos elevados e as atitudes corretas e honestas, vão sempre repelir as influências espirituais negativas, o Bem é mais forte que o mal, são as nossas imperfeições morais que atraem os espíritos inferiores, perturbadores e obsessores, portanto, a nossa luta é contra as nossas imperfeições morais, combatendo elas os maus espíritos se afastam gradualmente. Assim como as moscas farejam as chagas do corpo, os maus espíritos farejam as chagas morais da alma, para afastar as moscas basta limpar o corpo das suas impurezas físicas, da mesma forma, a pessoa se depurando das suas impurezas morais, ela consegue repelir os espíritos perturbadores e obsessores.
É na elevação moral dos pensamentos e sentimentos e na prática sincera do Bem e das Virtudes, que está a Defesa psíquica contra os maus espíritos.
Não adianta usar amuletos, talismã, velas, roupas brancas, imagens de santos, palavras sacramentais, sinais cabalísticos, nada disso funciona, tudo reside em nossos pensamentos e sentimentos.

CARÍSSIMOS, NÃO ACREDITEIS EM TODOS OS ESPÍRITOS, MAS PROVAI SE OS ESPÍRITOS SÃO DE DEUS, PORQUE SÃO MUITOS OS FALSOS PROFETAS, QUE SE LEVANTARAM NO MUNDO. (JOÃO, EPÍSTOLA I, CAP. IV: 1)
Entidades que bebem, fumam, falam palavrões e pedem sacrifícios de pobres animais merecem nossa confiança???
Os espíritos de luz não falam palavrões e nem usam palavras agressivas de baixo nível moral.
Os espíritos de luz respeitam os animais e pregam o amor por eles, somente espíritos inferiores e maldosos pedem sacrifícios de pobres animais, para poderem sugarem os fluidos vitais que esta no sangue derramado no sacrifício.
São espíritos sem luz e ignorantes que pedem bebidas alcoólicas, cigarros, oferendas, sacrifícios de animais, essas entidades são maliciosas, falam palavrões e são debochadas.
São espíritos apegados a matéria, espíritos sem luz.
Perguntamos.
Você acha certo matar animais para essas entidades sujas e ignorantes do plano astral???
Você acha que espíritos de luz vão falar palavrões e pedir cigarros, charutos e cachaça???
Você acredita nessas entidades que bebem e fumam???
Você acredita cegamente em tudo aquilo que elas falam???
Os espíritos elevados não pedem coisas matérias como velas, despachos, cigarros, charutos, bebidas alcoólicas, sacrifícios de animais, somente espíritos apegados a matéria e aos vícios terrenos é que pedem essas coisas.
Os bons espíritos ou espíritos de luz estão com seus pensamentos e sentimentos moralmente depurados, eles não possuem maus desejos, vícios e maus pensamentos e nem tem apegos as coisas matérias.

Esses espíritos que pedem coisas matérias como velas, cigarros, charutos, cachaça, comida, oferendas, despachos, são espíritos inferiores, sem luz, não confie nesses espíritos, cuidado.
Entidades que bebem, fumam, pedem sangue de animais, pedem despachos e velas, são entidades sem luz, entidades condicionada as sensações terrenas, cuidado, elas são maliciosas, espertas, mentem, enganam, tomam nomes falsos e usam uma linguagem sedutora.
Repila essas entidades que pedem bebida alcoólica, cigarros, charutos e sangue de pobres animais.
Você acha que um espírito de luz vai pedir essas coisas???
Quem se envolve com esses espíritos inferiores vai parar na miséria material e espiritual.
Portanto, meus amigos devemos julgar e analisar tudo que venha dos espíritos com muito cuidado, não aceitem nada sem exame.

Existem muitos espíritos enganadores, mentirosos e hipócritas vagando pelo mundo espiritual, eles são espertos, maliciosos, tomam nomes falsos, usam uma linguagem doce, suave e melosa para SEDUZIR e enganar as pessoas.
Vocês acham que os espíritos mistificadores são burros ou idiotas para usarem uma linguagem grosseira, ímpia e agressiva, claro que não, eles são espertos e malandros procuram enganar as pessoas na lábia doce, eles falam macio, são lobos em pele de ovelhas.
Desconfiai desses espíritos que usam sempre uma linguagem melosa e doce, procurem passar pelo Crivo severo da Razão e da Lógica todas as informações e mensagens que venha do plano espiritual, lá como cá, existem os enganadores e malandros.
Não aceitem nada sem rigoroso exame.
Essas entidades que pedem bebidas alcoólicas, cigarros, despachos, charutos, velas, comida e ate sacrifícios de inocentes animais, são espíritos que estão apegados a matéria e aos vícios e desejos terrenos.
Não acredite nessas entidades, raciocine e examine tudo.


Existem muitos espíritos mentirosos, sedutores, enganadores, hipócritas vagando sem rumo no mundo espiritual, eles tomam nomes falsos, nomes venerados e importantes para enganar as pessoas, usam quase sempre uma linguagem melosa, doce, suave, eles falam macio, tudo para seduzir as pessoas, eles são bons na lábia, cuidado, orar e vigiar.
Eles podem tomar o nome da sua mãe, do seu pai, do seu filho, que já estejam desencarnados para enganar as pessoas, temos que avaliar e analisar tudo com muita calma, cuidado, sem empolgação, temos que passar tudo pelo crivo severo da razão e da lógica, qualquer vacilo eles nos enganam e podem nos obsedar.
Não aceite nada sem exame, seja frio, calmo, racional, não se empolgue com facilidade, os espíritos desencarnados podem ler nossos pensamentos e descobrir coisas sobre nós e eles se utilizam disso para nos iludir, eles podem ler nosso pensamento e saber o nome dos nossos amigos, pai, mãe, filhos e usar esses nomes para nos seduzir e enganar.

Eles podem também tomar formas fluídicas falsas para enganar os médiuns videntes, muitos espíritos enganadores do plano astral tomam falsas aparências, vestuários fluídicos e se apresentam como médicos, militares, índios, professores, ou podem tomar a forma fluídica de algum parente ou amigo da pessoa para se apresentar ao médium vidente e a pessoa na sua ingenuidade, pensa que realmente é seu parente ou amigo já desencarnado, mais é um sabichão um espírito picareta, mentiroso e embusteiro, que tomou aquela forma astral ou fluídica para enganar o médium vidente.
Fiquem alertas não seja um bobão que acredita em tudo, cuidado com a linguagem melosa e sedutora desses espíritos.
O ponto forte deles é a lábia envolvente e doce, a picada suave da serpente mentirosa.

Wilson Moreno.

De: Nely
Para: Todos
E-mail: neli.maria@ig.com.br
Data: 11/02/15 23:01


Insiste em ti mesmo; nunca imites. A todo o momento, podes exibir o teu próprio dom com a força cumulativa de toda uma vida de estudo; mas do talento imitado de outro tens apenas posse parcial e momentânea. Aquilo que cada um sabe fazer de melhor só pode ser ensinado por quem o faz. Ninguém sabe ainda o que seja, nem o pode saber, enquanto essa pessoa não o demonstrar. Onde está o mestre que pudesse ter ensinado Shakespeare? Onde está o mestre que pudesse ter instruído Franklin, ou Washington, ou Bacon, ou Newton? Todo o grande homem é único. Ralph Waldo Emerson-1803 // 1882 Escritor, Poeta.

De: wilson
Para: Os estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 11/02/15 13:03

Não acredite em superstições e crendices.

Seu poder espiritual esta em seus pensamentos, o ser conforme pensar assim será, nós somos o que pensamos e atraímos pelo pensamento o bem ou o mal.
O pensamento cria correntes fluídicas entre o plano material e o plano astral e é nessas correntes fluídicas que os espíritos desencarnados se aproximam de nós.
Objetos matérias não emitem vibrações mentais, amuletos, talismã, velas, imagens, terços, sinais matérias, são apenas matéria, a matéria não pensa e nem sente, é o Espirito que pensa e sente, o poder do espírito esta em seus pensamentos.
Seria muito fácil e cômodo usar objetos matérias para afastar os maus espíritos.
Os melhores amuletos ou talismã são os pensamentos elevados, puros e positivos e os bons sentimentos.
Onde estiver o Bem, as Virtudes, os pensamentos elevados, a caridade, a honestidade, o amor pelos animais, a elevação moral e os sentimentos nobres ai esta a Luz e a Luz repele a escuridão os espíritos inferiores, perturbadores e obsessores.
Onde estiver vícios, maus pensamentos, deboche, falsidade, desonestidade, ódio, racismo, mentiras, sacrifícios de animais, despachos ai esta os maus espíritos, como disse Kardec são as nossas imperfeições morais que atraem os espíritos inferiores e obsessores.

Pensamentos fortes, positivos, nobres, elevados, dignos, vai nos ligar vibratoriamente aos espiritos de luz.
Pensamentos de medo, ódio, raiva, falsidade, egoísmo, revolta, desespero, angustias, vai nos ligar aos espíritos inferiores e obsessores do plano astral.
Pensamentos inferiores atraem outros pensamentos inferiores.
Pensamentos superiores atraem outros pensamentos superiores.
Procure disciplinar seus pensamentos em coisas boas, alegres, positivas, nobres, justas e pratique o bem e as virtudes, dessa forma criamos um ESCUDO PSIQUICO em torno de nós que vai repelir os maus espíritos.
DEPENDE SOMENTE DE VOCÊ DE SEUS PENSAMENTOS E ATITUDES, DEPENDE DE VOCÊ E NÃO DE DEUS.

Todo fraco será dominado, pessoas fracas, com vícios, maus desejos, maus pensamentos, que se irritam com facilidade, vivem xingando, são preguiçosas, não querem se melhorar moralmente, vivem bebendo e fumando desesperadamente, tais pessoas são pólos de atração psíquica para espíritos inferiores e obsessores do plano astral.
Os maus espíritos querem isso, pessoas sem vontade, fracas, bobonas, levianas, com maus pensamentos e maus desejos, só vivem revoltadas e xingando, apegadas a vícios.

TODO FRACO SERÁ CONTROLADO NÃO ESQUEÇA DISSO.
Todo bobão será enganado e explorado, reaja, tenha vergonha na cara, vai a luta, procure se melhorar moralmente, busque o Conhecimento espiritual e as Virtudes.

Os maus espíritos não têm nenhum poder sobre as pessoas de Bem, os bons pensamentos, os sentimentos elevados e as atitudes corretas e honestas, vão sempre repelir as influências espirituais negativas, o Bem é mais forte que o mal, são as nossas imperfeições morais que atraem os espíritos inferiores, perturbadores e obsessores, portanto, a nossa luta é contra as nossas imperfeições morais, combatendo elas os maus espíritos se afastam gradualmente. Assim como as moscas farejam as chagas do corpo, os maus espíritos farejam as chagas morais da alma, para afastar as moscas basta limpar o corpo das suas impurezas físicas, da mesma forma, a pessoa se depurando das suas impurezas morais, ela consegue repelir os espíritos perturbadores e obsessores.
É NA ELEVAÇÃO MORAL DOS PENSAMENTOS E SENTIMENTOS E NA PRÁTICA SINCERA DO BEM E DAS VIRTUDES, QUE ESTÁ A DEFESA PSÍQUICA CONTRA OS MAUS ESPÍRITOS.
NÃO ADIANTA USAR AMULETOS, TALISMÃ, VELAS, ROUPAS BRANCAS, IMAGENS DE SANTOS, PALAVRAS SACRAMENTAIS, SINAIS CABALÍSTICOS, NADA DISSO FUNCIONA, TUDO RESIDE EM NOSSOS PENSAMENTOS E SENTIMENTOS.


O mundo invisível também conhecido como o mundo espiritual ou plano astral é o mundo habitado pelos espíritos desencarnados, esse mundo é invisível aos olhos físicos mais ele existe ele é real muito real.
Esse plano espiritual ou extra físico exerce uma influencia muito grande sobre as pessoas, tudo nesse plano é regulado pela Lei das atrações psíquicas ou sintonia vibratória.
Os iguais se atraem e os diferentes se repelem.
As pessoas que cultivam maus pensamentos e sentimentos impuros de ódio, raiva, ciúmes, inveja, falsidade, racismo, desonestidade, desejos de vingança, são arrogantes e maliciosos, estão sempre em sintonia com espíritos desencarnados que pensam e sentem a mesma coisa, os semelhantes atraindo os semelhantes, essa é a Lei das atrações psíquicas.
As pessoas boas, corretas, honestas, cordiais, educadas, trabalhadoras, caridosas, solidarias, que procuram ajudar os necessitados, procuram ajudar os animais, procuram cultivar pensamentos elevados e puros e a prece sincera, essas pessoas estão atraindo pela sintonia vibratória dos pensamentos os Espiritos de Luz, os Espiritos Superiores.
Tudo depende somente dos nossos pensamentos e da nossa Conduta Moral.
Como disse o Mestre Jesus, o ser conforme pensar assim será.
Nós somos o que pensamos.

Os maus espíritos não conseguem entrar em sintonia vibratória com as pessoas que estão vibrando bons pensamentos e bons sentimentos, a melhor defesa psíquica contra os maus espíritos esta exatamente em nossa melhoria moral e mental.
Não adianta usar velas, imagens de santos, amuletos, talismã, roupas brancas, terços, palavras sacramentais, sinais cabalísticos, exorcismos, nada disso funciona, é nos pensamentos puros, nobres, elevados, e na pratica sincera do Bem, do amor e das virtudes que esta a proteção contra os maus espíritos.

Não se deixem iludir por crendices, superstições, misticismo, a força espiritual para afastar os maus espíritos esta DENTRO DE VOCÊ nos seus pensamentos elevados, positivos e na pratica da caridade e das virtudes.

Wilson Moreno na busca da Verdade.

De: Jaine
Para: Encarnados e Desencaranados
E-mail: jaine22@bol.com.br
Data: 10/02/15 15:40

Agradeço aos bons espíritos pela luz,força,bondade e misericórdia peço muito amor em meus em nossos corações, para que todas as pessoas sejam felizes em todos os sentidos,ilumine os desencarnados principalmente hoje nessa data, onde hoje minha querida mamãe estaria fazendo aniversário no dia de hoje,e nesse momento ela me faz muita falta mas espero que os companheiros espirituais iluminem seu caminho junto com meu irmão José Milton Moreira guarde-os e que eles olhem por nós aqui na terra e em seu plano celestial estejam unidos assim seja tolerância e felicidade assim seja amém paciência amor.

De: simone
Para: mailto:marcos@yahoo.com.br
E-mail: simonetavaresg@live.com
Data: 08/02/15 01:29

Oi meu nome eh simone sou de sao jose do rio preto-sp .nao sei nem se mimha msg vai chegar ate vc e tbm nao sei ver email.se vc responder nao vou saber ver.mas quero dizer q me identifiquei muito com o q disse sobre obsessão, td o q vc falou acontece cmg.era dependente quimica.antes era traficante.e parei de uzar mas sou obsessiva, estou com 110kg.nao consigo parar de comer, sou casada e meu esposo é TUDO QUE EU TENHO NA VIDA, mas tem hora q me da umas vontades super estranhas de trair de varias maneiras mais bizarras possiveis. Preciso muito de ajuda meu face é Simone gomes um grande abraço

 
 
Busca
  
  
  
 
Temas Importantes
- Reencarnação
- Obsessão
- Mediunidade
 
Divulgação
- Indique o Site
- Adicione aos Favoritos
 
Mensagem do dia
“Convença-se e que você somente solucionará os seus problemas se não fugir deles”. André Luiz
 
Boletim Eletrônico
Cadastre seu e-mail e receba mensagens de Luz, textos e outras informações.
E-mail

Assinar Remover
Copyright© 2004/2015 - O Espiritismo - Araraquara/SP - Todos os direitos reservados

Webmaster