Mensagens de Luz  
 
 
  Textos Espíritas  
 
 
  Mural de Recados  
 
 
  Guia de Centros Espíritas  
 
 
  Ouça Mensagens  
 
 
Página Inicial - O Espiritismo
 Home
 A Doutrina
  O que é?
  Conheça Allan Kardec
  Biografias
  Galeria de Imagens
  Fale Conosco
  Links Indicados
  Sugestão de Livros
  Obras Básicas
 O Espiritismo e Você
  Mensagens de Luz
  Textos Espíritas
  Mural de Recados
  Guia de Endereços
  de Centros Espíritas
  Ouça Mensagens
 
 
>> MURAL DE RECADOS
 
Mural
De: Amanda
Para: Victor Hugo
E-mail: belreis23@hotmail.com
Data: 31/03/15 23:34

Victor, obrigado por dedicar uns minutos a me escrever essa mensagem linda de força, agradeço de coração!

De: Victor Hugo
Para: AMANDA
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 31/03/15 01:30

Cara irmã, que a Paz do Amado Mestre Jesus lhe envolva hoje e sempre!

Lamentamos muito o ocorrido, mas lembre-se que ninguém morre, apenas muda-se de residência, e o reencontro com aqueles com os quais somos afins é inevitável e se dará no momento adequado no mundo espiritual. O Norival precisa estar no mundo espiritual, mas continua te amando e com muita saudade. Busque pensar nele sempre com base nos momentos mais alegres.

Fique com DEUS

ELES ESTÃO VIVOS

Ainda quando não reconheças, de pronto, semelhante verdade, eles te vêem e te escutam!
Quando possível, seguem-te os passos compartilhando-te problemas e aflições.

Compadece-te dos que te precederam na Grande Renovação!
Aqueles que viste partir de mãos desfalecentes nas tuas, doando os derradeiros pensamentos terrestres através dos olhos fitos nos teus, não estão mortos. Entraram em novas dimensões de existência, mas prosseguem de coração vinculado ao teu coração.
Assinalam-te o afeto e agradecem-te a lembrança, no entanto, quase sempre se escoram em tua fé, buscando em ti a fôrça precisa para restauração espiritual que demandam.

Muitos deles, ainda inadaptados a vida diferente que são compelidos a facear, pedem serenidade em tua coragem e apoio em teu amor...
Outros, muitos, jazem mergulhados na bruma da saudade, detidos na sede de reencontro, ante as requisições continuadas dos teus pensamentos de angústia.

Outros muitos, seguem-te ainda. Aqueles que se despediram de ti, depois de longa existência, abençoando-te a vida... Os que amaste, indicando-lhes o caminho para as esferas superiores ... Os que lenantas-te para a luz da esperança e aqueles outros que socorreste um dia com o ósculo da amizade e da beneficiência. Todos te agradecem, estendendo-te os braços no sentido de te auxiliar a transpor as estradas que ainda te cabem percorrer.
Auxilia aos entes queridos na espiritualidade a fim de que te possam auxiliar!

Se lhes recorda a presença e o carinho, preenche o vazio que te impuseram à Alma, abraçando o trabalho que terão deixado de fazer. Sê a voz que lhes reconforte os seres amados ainda na Terra, a força que lhes execute o serviço de paz e amor que não terminaram, a luz para aqueles que lhes lastimam a ausência em recantos de sombra ou o amparo em favor daqueles que desejariam continuar sustentando no mundo!

Compadece-te dos entes queridos que te antecederam na Grande Libertação!

Chora, porque a dor é forte e, é fonte de energias renovadoras por dentro do coração, mas chora trabalhando e servindo, auxiliando e amando sempre!
E deixa que os corações amados, hoje no mais Além, te enxuguem as lágrimas, inspirando-te ação e renovação, porque, no futuro, tê-lo-ás a todos positivamente contigo nas alegrias do Novo despertar.


Autor: Emmanuel (espírito)
Psicografia de Chico Xavier


SEMPRE COM DEUS

Lembra-te de Deus para que saibas agradecer os talentos da vida.
Se te encontras cansado, pensa Nele, o eterno Pai que jamais descansa. Como nos ensinou o próprio Jesus, o Pai trabalha constantemente.
Se te encontras triste, eleva a Deus os teus sentimentos, meditando na alegria solar com que, todas as manhãs, a infinita bondade do Pai dissolve as trevas, anunciando um dia novo de oportunidades.
Se estás doente pensa em como Deus, na sua compaixão e equilíbrio, reajusta os quadros da natureza. Pensa em como após a tempestade que arranca árvores centenárias e destrói montanhas, tudo se asserena.
Se te sentes incompreendido, ainda assim volta-te para Deus. Ele, o eterno doador de todas as bênçãos, quantas vezes é incompreendido pelas criaturas que criou e sustenta. Mesmo assim, a sua paciência inesgotável não desanima, aguardando que nos decidamos por abandonar nossas imperfeições.
Se te sentes humilhado, entrega a Deus as dores da tua sensibilidade ferida ou do orgulho menosprezado, refletindo no anonimato com que ele esconde a sua imensa grandeza, servindo-nos todos os dias.
Se te sentes sozinho, busca a companhia sublime de Deus na pessoa daqueles que seguem na retaguarda, cambaleantes de sofrimento. Os mais solitários que tu mesmo, que se encontram em provações mais difíceis que as tuas. Procura aqueles que a miséria encara todas as horas e necessitam da tua ajuda para matar a fome, a sede, acalmar a dor.
Sai de ti mesmo e procura-os. Eles se encontram nas favelas, nas praças, nos hospitais, nos asilos, nas prisões. Talvez, ao teu lado, nos familiares que te esperam um gesto de carinho, uma palavra amiga, um pouco de atenção.
Se estás aflito, confia a Deus as tuas ansiedades. Fala-lhe de tudo aquilo que te vai na intimidade e Nele, que é o amor, todas as tuas tormentas haverão de se acalmar.
Enfim, seja qual for a dificuldade, recorda o todo misericordioso que não nos esquece.
Na oração haverás de encontrar a força a fim de te ergueres e superares os problemas, pequenos ou grandes que te estejam a supliciar.
Na oração, que é rota de luz, não haverá de te faltar o ânimo para enfrentar mais este dia, com coragem, bom ânimo e alegria, porque, afinal de contas, dia como este nunca houve e nem haverá igual.
***
Na vida, auxilia quanto puderes. Faze o bem sem olhar a quem.
Imagina que és o lavrador e o teu próximo é o campo. Tu plantas e o outro produz. Tu és o celeiro, o outro é o cliente.
Se desejas seguir para Deus, pensa que entre Deus e tu mesmo, o próximo é a ponte.
O Criador atende às criaturas através das criaturas.
Por isso mesmo, é preciso viver e servir.
(Equipe de Redação do Momento Espírita, baseado nos caps. 13 e 19 do livro \"O Espírito da Verdade, ed. FEB)

De: Amanda
Para: Todos
E-mail: belreis23@hotmail.com
Data: 30/03/15 22:49

Peço a todos os amigos que incluam em suas orações o nome do meu esposo Norival Soares dos reis Junior, ele desencarnou a poucos dias. Peçam muita luz e paz para ele e toda minha família.
Obrigado.

De: Jessica
Para: Os estudiosos
E-mail: jessika_carapelli@hotmail.com
Data: 30/03/15 22:46

o que o espiritismo diz em relacao a possecao demoniaca?acreditam em demonios ?

De: Allan
Para: todos
E-mail: allankjr@gmail.com
Data: 30/03/15 10:41

Quando as criaturas compreenderem que são as responsáveis por tudo
quanto lhes diz respeito, certamente serão alterados os comportamentos
individuais e coletivos, elegendo-se aquilo que conduz à harmonia e à
felicidade, mesmo que a esforço, ao invés do prazer desgastante de um momento
com as suas consequências perturbadoras de longo prazo. Muitos, na ilusão
orgânica, preferem a intoxicação do gozo doentio, sem qualquer responsabilidade.
Não é de estranhar-se a grande mole que recorrer ao Espiritismo, à mediunidade,
procurando solução milagrosa para os problemas que engendraram e pretendem ser
resolvidos, mesmo sem a sua contribuição sacrificial”.

Manoel Philomeno
de Miranda (espírito), psicografia de Divaldo Franco. Livro: Transição
Planetária

De: JOSE RONALDO
Para: TODOS OS AMIGOS
E-mail: jmelomaia@yahoo.com.br
Data: 30/03/15 10:41

PEÇAM QUE OREM POR PETRONIO LOPES DA COSTA RECEM DESENCARDO . OBGRIDO A TODOS

De: Victor Hugo
Para: todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 30/03/15 10:08

Agradecer emocionalmente ser-se transcendente é autopsicoterapia de otimismo que liberta o Narciso interno da sua imagem irreal e responsabiliza para a conquista da individuação, em defluência do amadurecimento psicológico que resultará no estado numinoso.



Não mais doenças nem estados doentes no indivíduo que se encontrou a si mesmo, que se descobriu imortal e avança no rumo da plenitude.\"



Psicografia de Divaldo Franco.
Livro: Psicologia da Gratidão

De: Victor Hugo
Para: todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 30/03/15 10:06

Calma

A calma é o abençoado antídoto, que advém quando desejas esforçar-te para viver em paz.

Autor: Joanna de Ângelis
Psicografia de Divaldo Franco
.............

Existência na Terra

A existência terrestre pode ser comparada a uma laboriosa viagem. O corpo é a embarcação, o pensamento é a força, a língua é o leme\".

Autor: Emmanuel
Psicografia de Francisco Cândido Xavier

De: wilson
Para: Os Estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 29/03/15 21:55

Os espíritos desencarnados podem comer e beber???

As necessidades matérias ou físicas como a fome, sede, sono estão no corpo material, os espíritos desencarnados não possuem mais corpos físicos, possuem apenas o perispirito que é um corpo fluídico, logo eles não possuem necessidades matérias como comer, beber ou dormir.
Mais existem muitos espíritos inferiores e atrasados que estão apegados a matéria e esses espíritos tem a ILUSÃO das necessidades matérias, eles estão ainda apegados a vida terrena, eles criaram em sua mente essas ilusões que não podem ser saciadas no plano espiritual.
As necessidades matérias estão no corpo carnal.
Os espíritos desencarnados não possuem mais o corpo material, logo eles não possuem essas necessidades, mais os espíritos inferiores ainda condicionados as sensações terrenas possuem essas ilusões.
É por isso, que esses espíritos que estão apegados a matéria se manifestam em terreiros, centros de umbanda, quimbanda e centros de magia pedindo cigarros, charutos, bebidas alcoólicas, comida, café e sangue de animais, são as necessidades matérias que eles sentem não como reais, mais uma ilusão trazida da vida terrena, são espíritos que estão muito materializados, possuem um perispirito muito denso e grosseiro que eles confundem ate com o corpo físico.
Perguntamos, por que, eles não saciam essas necessidades matérias no mundo espiritual???
Por que no plano espiritual não tem como saciar necessidades matérias, não existem cigarros, nem charutos, nem bebidas alcoólicas, nem comida, nem frutas no plano astral.
Eles vão procurar encarnados que possuem uma vontade fraca, maus pensamentos e vícios como o de fumar, beber, comer ( gula) ou que usam drogas para VAMPIRIZAR essas pessoas, esses espíritos que estão muito materializados procuram os encarnados viciados para poderem sugarem essas energias.

Para afastar os maus espíritos só existe um caminho, se depurar moralmente, se melhorar espiritualmente, manter os pensamentos sempre elevados e positivos, cultivar boas idéias, ser correto e honesto com as pessoas, combater os maus desejos e vícios, se afastar desses centros de macumbas, terreiros, magia e cartomantes são ambientes espiritualmente negativos.
Não esqueça, pessoas de vontade fraca, sem personalidade, bobonas, fracas, com maus pensamentos, maus desejos e vícios é UM FACIL PARA OS MAUS ESPIRITOS como explica o Racionalismo Cristão.
Essas Entidades que bebem e fumam são espíritos inferiores ainda apegados a matéria, os espíritos de luz e os bons espíritos não pedem coisas matérias como velas, despachos, comida, cigarros, charutos, bebidas alcoólicas e nem sacrifícios de pobres animais.

Existem muitos espíritos mentirosos, sedutores, enganadores, hipócritas vagando sem rumo no mundo espiritual, eles tomam nomes falsos, nomes venerados e importantes para enganar as pessoas, usam quase sempre uma linguagem melosa, doce, suave, eles falam macio, tudo para seduzir as pessoas, eles são bons na lábia, cuidado, orar e vigiar.
Eles podem tomar o nome da sua mãe, do seu pai, do seu filho, que já estejam desencarnados para enganar as pessoas, temos que avaliar e analisar tudo com muita calma, cuidado, sem empolgação, temos que passar tudo pelo crivo severo da razão e da lógica, qualquer vacilo eles nos enganam e podem nos obsedar.
Não aceite nada sem exame, seja frio, calmo, racional, não se empolgue com facilidade, os espíritos desencarnados podem ler nossos pensamentos e descobrir coisas sobre nós e eles se utilizam disso para nos iludir, eles podem ler nosso pensamento e saber o nome dos nossos amigos, pai, mãe, filhos e usar esses nomes para nos seduzir e enganar.
Eles podem também tomar formas fluídicas falsas para enganar os médiuns videntes, muitos espíritos enganadores do plano astral tomam falsas aparências, vestuários fluídicos e se apresentam como médicos, militares, índios, professores, ou podem tomar a forma fluídica de algum parente ou amigo da pessoa para se apresentar ao médium vidente e a pessoa na sua ingenuidade, pensa que realmente é seu parente ou amigo já desencarnado, mais é um sabichão um espírito picareta, mentiroso e embusteiro, que tomou aquela forma astral ou fluídica para enganar o médium vidente.
Fiquem alertas não seja um bobão que acredita em tudo, cuidado com a linguagem melosa e sedutora desses espíritos.
O ponto forte deles é a lábia envolvente e doce, a picada suave da serpente mentirosa.

CARÍSSIMOS, NÃO ACREDITEIS EM TODOS OS ESPÍRITOS, MAS PROVAI SE OS ESPÍRITOS SÃO DE DEUS, PORQUE SÃO MUITOS OS FALSOS PROFETAS, QUE SE LEVANTARAM NO MUNDO. (JOÃO, EPÍSTOLA I, CAP. IV: 1)

Wilson Moreno na busca da verdade.


De: daniela
Para: Jesus meus mentores espirituai
E-mail: d.strada@hotmail.com
Data: 29/03/15 11:46

Jesus e mentores espirituais pesso que me iluminem e me deem sabedoria sempre,estou com dificuldade no meu tabalho,quero ficar em paz no meu emprego,quero se possivel aprossimar meu filho com o pai dele edson,acho triste ficarem sem se falar,pesso tbm para mim ver sempre a verdade mesmo doida.Agradeço ao Pai pela minha vida e por tudo q tenho.quro ser feliz com amor de Jesus.
obrigado!!!!!!

De: wilson
Para: Os Estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 29/03/15 09:46

Observações de Allan Kardec sobre a natureza dos espíritos.

Todos os Espíritos têm a mesma origem e o mesmo destino; as diferenças que os separam, não constituem espécies distintas, mas exprimem diversos graus de adian¬tamento. Os Espíritos não são perfeitos, porque não são mais do que as almas dos homens, que não atingiram também a perfeição; e, pela mesma razão, os homens não são perfeitos por serem encarnações de Espíritos mais ou menos adiantados, O mundo corporal e o mundo espiritual estão em contínuo revezamento; pela morte do corpo, o mundo corporal fornece seu contingente ao espiritual; pelos nascimentos, este alimenta a huma¬nidade.
Em cada nova existência, o Espírito dá maior ou menor passo no caminho do progresso, e, quando adqui¬riu na Terra a soma de conhecimentos e a elevação moral que o nosso globo comporta, ele o deixa, para ir viver em mundo mais elevado onde vai aprender novas coisas.
Os Espíritos que formam a população invisível da Terra são, de alguma sorte, o reflexo do mundo corpo¬ral; neles se encontram os mesmos vícios e as mesmas virtudes; há entre eles sábios, ignorantes e charlatães, prudentes e levianos, filósofos, raciocinadores, sistemáti-cos; como se não se despissem de seus prejuízos, todas as opiniões políticas e religiosas têm entre eles representantes; cada um fala segundo suas idéias, e o que eles dizem é, muitas vezes, apenas a sua opinião pessoal; eis o motivo por que se não deve crer cegamente em tudo o que dizem os Espíritos.

Sem dúvida eles ficam livres das imper¬feições físicas, isto é, das dores e enfermidades corpo¬rais; porém, as imperfeições morais são do Espírito e não do corpo. Entre eles há alguns que são mais ou menos adiantados, moral e intelectualmente.
Seria erro acreditar que os Espíritos, deixando o corpo material, recebem logo a luz da verdade.
É possível admitirdes que, quando morrerdes, não haja distinção alguma entre o vosso Espírito e o de um selvagem? Assim sendo, de que vos serviria ter traba¬lhado para a vossa instrução e melhoramento, quando um vadio, depois da morte, será tanto quanto vós?
O progresso dos Espíritos faz-se gradualmente e, algumas vezes, com muita lentidão. Entre eles alguns há que, por seu grau de aperfeiçoamento, vêem as coisas sob um ponto de vista mais justo do que quando estavam encarnados; outros, pelo contrário, conservam ainda as mesmas paixões, os mesmos preconceitos e erros, até que o tempo e novas provas os venham esclarecer. Notai bem que o que digo é fruto da experiência, colhido no que eles nos dizem em suas comunicações. Ê, pois, um prin¬cípio elementar do Espiritismo que existem Espíritos de todos os graus de inteligência e moralidade.

Uma idéia quase geral, entre os que não conhe¬cem o Espiritismo, é a de crer que os Espíritos, pelo simples fato de estarem desprendidos da matéria, devem saber tudo, estar de posse da sabedoria suprema. É um grave erro.
Não sendo mais que as almas dos homens, os Espí¬ritos não adquirem a perfeição logo que deixam o envol¬tório terrenal. Seu progresso só se faz com o tempo, e não é senão paulatinamente que se despojam das suas imperfeições, que conquistam os conhecimentos que lhes faltam.
Seria tão ilógico admitir-se que o Espírito de um selvagem ou de um criminoso se torne de repente sábio e virtuoso, como seria contrário à justiça de Deus supor que ele continue perpetuamente em inferioridade. Como há homens de todos os graus de saber e ignorância, de bondade e malvadez, dá-se o mesmo com os Espíritos. Alguns destes são apenas frívolos e travessos; outros são mentirosos, fraudulentos, hipócritas, maus e vingativos; outros, pelo contrário, possuem as mais sublimes virtudes e o saber em grau desconhecido na Terra.
Essa diversidade nas qualidades dos Espíritos é um dos pontos mais importantes a considerar, por explicar a natureza boa ou má das comunicações que se recebem; é em distingui-las que devemos empregar todo o nosso cuidado. (O Livro dos Espíritos, nº 100, Escala Espírita — O Livro dos Médiuns, cap. XXIV.)

As comunicações que recebemos dos Espíritos podem ser boas ou más, justas ou falsas, profundas ou frívolas, consoante a natureza dos que se manifestam. Os que dão provas de sabedoria e erudição, são Espíritos adiantados no caminho do progresso; os que se mostram ignorantes e maus, são os ainda atrasados, mas que com o tempo hão de progredir.
Os Espíritos só podem responder sobre aquilo que sabem, segundo o seu estado de adiantamento, e ainda dentro dos limites do que lhes é permitido dizer-nos, porque há coisas que eles não devem revelar, por não ser ainda dado ao homem tudo conhecer.
Da diversidade de qualidades e aptidões dos Espíritos, resulta que não basta dirigirmo-nos a um Es¬pírito qualquer para obtermos uma resposta segura a qualquer questão; porque, acerca de muitas coisas, ele não nos pode dar mais que a sua opinião pessoal, a qual pode ser justa ou errônea. Se ele é prudente, não dei¬xará de confessar sua ignorância sobre o que não co¬nhece; se é frívolo ou mentiroso, responderá de qualquer forma, sem se importar com a verdade; se é orgulhoso, apresentará suas idéias como verdades absolutas.

É POR ISSO QUE S. JOÃO, O EVANGELISTA, DIZ:
“NÃO CREAIS EM TODOS OS ESPÍRITOS, MAS EXAMINAI SE ELES SÃO DE DEUS.”

A experiência demonstra a sabedoria desse conselho. Há imprudência e leviandade em aceitar sem exame tudo o que vem dos Espíritos. É de necessidade que bem conheçamos o caráter daqueles que estão em relação conosco. (O Livro dos Médiuns, nº 267.)

Reconhece-se a qualidade dos Espíritos por sua linguagem; a dos Espíritos verdadeiramente bons e su¬periores é sempre digna, nobre, lógica e isenta de con¬tradições; nela se respira a sabedoria, a benevolência, a modéstia e a mais pura moral; ela é concisa e despida de redundâncias. Na dos Espíritos inferiores, ignorantes ou orgulhosos, o vácuo das idéias é quase sempre preen¬chido pela abundância de palavras.
TODO PENSAMENTO EVIDENTEMENTE FALSO, TODA MÁXIMA CONTRÁRIA À SÃ MORAL, TODO CONSELHO RIDÍCULO, TODA EXPRES¬SÃO GROSSEIRA, TRIVIAL OU SIMPLESMENTE FRÍVOLA, ENFIM, TODA MANIFESTAÇÃO DE MALEVOLÊNCIA, DE PRESUNÇÃO OU ARROGÂN¬CIA, SÃO SINAIS INCONTESTÁVEIS DA INFERIORIDADE DOS ES¬PÍRITOS.

Allan Kardec.

De: Sergio da Rocha
Para: Meu Mentor Espiritual
E-mail: sergiodarocha2012@gmail.com
Data: 29/03/15 08:04

Tu bem sabes a minha eterna luta para me manter no caminho proposto em outro tempo.
Mas venho aqui te pedir......nao desiste de mim.
Com ajuda da doutrina espirita, estou conseguindo voltar no caminho estabelecido.
Eu era cego, agora vejo.

Muito Obrigado

 
 
Busca
  
  
  
 
Temas Importantes
- Reencarnação
- Obsessão
- Mediunidade
 
Divulgação
- Indique o Site
- Adicione aos Favoritos
 
Mensagem do dia
“O mal que nos fazem somente nos fará mal se revidarmos, tornando-nos maus, a nosso turno iguais ao agressor”. Marco Prisco
 
Boletim Eletrônico
Cadastre seu e-mail e receba mensagens de Luz, textos e outras informações.
E-mail

Assinar Remover
Copyright© 2004/2015 - O Espiritismo - Araraquara/SP - Todos os direitos reservados

Webmaster