Mensagens de Luz  
 
 
  Textos Espíritas  
 
 
  Mural de Recados  
 
 
  Guia de Centros Espíritas  
 
 
  Ouça Mensagens  
 
 
Página Inicial - O Espiritismo
 Home
 A Doutrina
  O que é?
  Conheça Allan Kardec
  Biografias
  Galeria de Imagens
  Quem Somos
  Fale Conosco
  Links Indicados
  Sugestão de Livros
  Obras Básicas
 O Espiritismo e Você
  Mensagens de Luz
  Textos Espíritas
  Mural de Recados
  Guia de Endereços
  de Centros Espíritas
  Ouça Mensagens
 
 
>> MURAL DE RECADOS
 
Mural
De: Leonardo
Para: Todos
E-mail: leoocbackup@hotmail.com
Data: 19/08/14 21:29

Olá a todos !

Gostaria de agradecer primeiramente a Deus Todo Poderoso pela força e serenidade a qual me encontro hoje, graças ao nosso divino criador e a doutrina espírita, hoje a vida faz sentido para mim.

Muita fé companheiros, nada é impossível, nenhuma mudança está longe, se pedirmos de coração do fundo de nossa alma, por preces, orações, além de fazermos nossa parte.

Obrigado bons espíritos pela companhia, NUNCA estou sozinho.

\"Quando o pai nos convoca a determinado lugar, é que lá nos aguarda alguma tarefa.\"

Abraços

Mensagens de força: https://twitter.com/servir_sempre

De: jaine
Para: Lucieny e filhas
E-mail: jaine22@bol.com.br
Data: 19/08/14 20:09

Agradeço aos bons espíritos por me ouvirem nesse momento,peço que com a ajuda deles possamos emanar muitas vibrações positivas para minha irmã Lú e filhas Malú e luma que elas consigam vencer esses momentos difíceis e que o nosso Jesus esteja sempre com elas para que elas voltem a sorrir como antigamente que a sabedoria,força,harmonia e luz divina estejam com elas e com quem as rodeiam em sua casa e dentro dela,que elas fiquem bem e que os arcanjos as iluminem e mostrem que isso é passageiro,não deixe os ex-marido maltratá-las e que os amigos encarnados e desencarnados cuide delas sempre amém.

De: joyce
Para: mae
E-mail: joice-leite@hotmail.com
Data: 19/08/14 17:52

preciso muito conhecer o espiristismo ... estou precisando de ajuda ... haaaa minha familia esta deslacerada so tem brigas e discuçoes nao consigo arranja emprego so vivo chorando e em drepresao

De: binho
Para: silvia
E-mail: binhovsilva@hotmail.com
Data: 19/08/14 08:39

Silvia, o que podemos fazer por vc é orar para que Deus conforte seu coração. Mas agora é a hora em que sua fé está sendo testada. O fato de vc não ter tido comunicação com sua mãe não quer dizer que esse encontro não aconteceu. Muitas vezes isso acontece para testá-la. Esse é o momento de praticar sua fé. Acredite, sua mãe está viva em outro plano. Então, ore por ela, mande pensamentos positivos para que ela continue sua jornada fora da vida física. Não existem barreiras para dois corações que se amam. O reencontro é questão de tempo! Tenha paciência e continue trabalhando para o bem de todos

De: Wilson
Para: Os Estudiosos
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 18/08/14 18:29

Amuletos, talismã e objetos matérias.
Primeiramente, vejamos o que os Espíritos responderam a Allan Kardec na obra inaugural da doutrina espírita, O Livro dos Espíritos:

553 - Qual pode ser o efeito das fórmulas e práticas com que algumas pessoas pretendem dispor da cooperação dos Espíritos?

– É o efeito de torná-las ridículas se forem pessoas de boa-fé. Caso contrário, são patifes que merecem castigo. Todas as fórmulas são enganosas; não há nenhuma palavra sacramental, nenhum sinal cabalístico, nenhum talismã que tenha qualquer ação sobre os Espíritos, porque eles são atraídos somente pelo pensamento e não pelas coisas materiais.

553 a - Alguns Espíritos não têm, às vezes, ditado fórmulas cabalísticas?

– Sim, há Espíritos que indicam sinais, palavras esquisitas ou prescrevem alguns atos com a ajuda dos quais fazeis o que chamais de tramas secretas; mas ficais bem certos: são Espíritos que zombam e abusam de vossa credulidade.

554 - Aquele que, errado ou certo, tem confiança no que chama virtude de um talismã, não pode por essa própria confiança atrair um Espírito, já que é o pensamento que age? O talismã não será apenas um sinal que ajuda a dirigir o pensamento?

– É verdade; mas a natureza do Espírito atraído depende da pureza da intenção e da elevação dos sentimentos; portanto, devemos crer que aquele que é tão simples para acreditar na virtude de um talismã não tenha um objetivo mais material do que moral. Além do mais, em todos os casos, isso indica uma inferioridade e fraqueza de idéias que o expõem aos Espíritos imperfeitos e zombeteiros.


Na Revista Espírita de setembro de 1858, encontramos um caso bastante curioso. O Senhor M... havia comprado uma medalha cabalística que continha, nas duas faces, uma multidão de sinais, tais como “planetas, círculos entrelaçados, um triângulo, palavras ininteligíveis e iniciais em caracteres vulgares; além de outros caracteres bizarros tendo qualquer coisa de árabe, tudo disposto de um modo cabalístico no gênero dos livros de mágicos”.

Tendo interrogado uma médium sonâmbula a respeito da natureza da medalha, o Sr. M... obteve da médium a resposta de que a medalha “era composta de sete metais, que pertenceram a Cazotte, e tinha um poder particular para atrair os Espíritos e facilitar as evocações. O senhor de Caudenberg, autor de uma relação de comunicações que teve, disse ele, como médium, com a Virgem Maria, disse-lhe que era uma coisa má, própria para atrair os demônios. A senhorita de Guldenstube, médium, irmã do barão de Guldenstube, autor de uma obra sobre a Pneumatografia ou escrita direta, disse-lhe que ela tinha uma virtude magnética e poderia provocar o sonambulismo.”

Não satisfeito com a resposta da médium, o Sr. M... pediu a opinião de Allan Kardec a respeito do tema e obteve do fundador do Espiritismo a seguinte resposta:

\"OS ESPÍRITOS SÃO ATRAÍDOS OU REPELIDOS PELO PENSAMENTO, E NÃO POR OBJETOS MATERIAIS QUE NÃO TÊM NENHUM PODER SOBRE ELES. Os Espíritos superiores, em todos os tempos, condenaram o emprego de sinais e de formas cabalísticas, e todo Espírito que lhes atribui uma virtude qualquer, ou que pretenda dar talismãs que aparentem a magia, revela, com isso, sua inferioridade, esteja agindo de boa fé ou por ignorância, em conseqüência de antigos preconceitos terrestres dos quais estejam imbuídos, seja porque queira conscientemente divertir-se com a credulidade, como Espírito zombeteiro. Os sinais cabalísticos, quando não são pura fantasia, são símbolos que lembram as crenças supersticiosas quanto à virtude de certas coisas, como os números, os planetas, e sua concordância com os metais, crenças nascidas nos tempos da ignorância, e que repousam sobre erros manifestos, dos quais a ciência fez justiça mostrando o que eram os pretensos sete planetas, sete metais, etc. A forma mística e ininteligível desses emblemas tinha por objetivo impor ao vulgo ver o maravilhoso naquilo que não compreendia. Quem estudou a natureza dos Espíritos, não pode admitir racionalmente, sobre eles, a influência de formas convencionais, nem de substâncias misturadas em certas proporções; isso seria renovar as práticas da caldeira dos feiticeiros, de gato preto, de galinha preta e outros feitiços. Não ocorre o mesmo com um objeto magnetizado que, como se sabe, tem o poder de provocar o sonambulismo ou certos fenômenos nervosos sobre a economia; mas, então, a virtude desse objeto reside unicamente no fluido do qual está momentaneamente impregnado e que se transmite, assim, por via mediata, e não em sua forma, em sua cor, nem sobretudo nos sinais com os quais pode estar sobrecarregado.

Um Espírito pode dizer Traçai tal sinal, e a esse sinal reconhecerei que chamais e virei; mas nesse caso o sinal traçado não é senão a expressão do pensamento; é uma evocação traduzida de um modo material; ora, os Espíritos, qualquer que seja sua natureza, não têm necessidade de semelhantes meios para se comunicarem; os Espíritos superiores não os empregam nunca; os Espíritos inferiores podem fazê-lo tendo em vista fascinar a imaginação de pessoas crédulas, que querem ter sob sua dependência. Regra geral: todo Espírito que liga mais importância à forma do que ao fundo é inferior, e não merece nenhuma confiança, ainda mesmo se, de tempo em tempo, disser algumas coisas boas; porque essas boas coisas podem ser um meio de sedução.\"


Em O Livro dos Médiuns, no item 282, Kardec novamente interrogou os Espíritos acerca do assunto:

17ª Certos objetos, como medalhas e talismãs, têm a propriedade de atrair ou repelir os Espíritos conforme pretendem alguns?

\"Esta pergunta era escusada (desnecessária), porquanto bem sabes que A MATÉRIA NENHUMA AÇÃO EXERCE SOBRE OS ESPÍRITOS. FICA BEM CERTO DE QUE NUNCA UM BOM ESPÍRITO ACONSELHARÁ SEMELHANTES ABSURDIDADES. A VIRTUDE DOS TALISMÃS, DE QUALQUER NATUREZA QUE SEJAM, JAMAIS EXISTIU, SENÃO, NA IMAGINAÇÃO DAS PESSOAS CRÉDULAS.\"


Ao fazer um estudo sobre os Possessos de Morzine, as causas da obsessão e os meios de combatê-la, na Revista Espírita de dezembro de 1862, o fundador do Espiritismo teve a oportunidade de asseverar:

\"Certas pessoas preferem, sem dúvida, uma receita mais fácil para afastar os maus Espíritos: algumas palavras a dizer ou alguns sinais afazer, por exemplo, o que seria mais cômodo do que se corrigir de seus defeitos. Com isso não estamos descontentes, mas não conhecemos nenhum outro procedimento mais eficaz para vencer um inimigo do que ser mais forte do que ele. Quando se está doente, é preciso se resignar a tomar um remédio, por amargo que ele seja; mas também, quando se teve a coragem de beber, como se sente bem, e quanto se é forte! É PRECISO, POIS, SE PERSUADIR DE QUE NÃO HÁ, PARA ALCANÇAR ESSE OBJETIVO, NEM PALAVRAS SACRAMENTAIS, NEM FÓRMULAS, NEM TALISMÃS, NEM QUAISQUER SINAIS MATERIAIS. OS MAUS ESPÍRITOS DISSO SE RIEM E SE ALEGRAM FREQÜENTEMENTE EM INDICAREM QUE SEMPRE TÊM O CUIDADO DE SE DIZER INFALÍVEIS, PARA MELHOR CAPTAR A CONFIANÇA DAQUELES QUE QUEREM ENGANAR, PORQUE ENTÃO ESTES CONFIANTES NA VIRTUDE DO PROCEDIMENTO, SE ENTREGAM SEM MEDO.\"


E no artigo Causas da obsessão e meios de combate V, da Revista Espírita de maio de 1863, Allan Kardec encerra com maestria: \"A PUREZA DE CORAÇÃO E DE INTENÇÃO, O AMOR DE DEUS E DO PRÓXIMO, EIS O MELHOR TALISMÃ, PORQUE LHES TIRA TODO IMPÉRIO SOBRE AS NOSSAS ALMAS\".

Da leitura que fizemos desses trechos das Obras Básicas e da Revista Espírita, podemos tirar algumas conclusões:

a) Os Espíritos de ordem superior jamais indicam qualquer tipo de formula exterior; logo, somente os Espíritos de ordem inferior indicam tais formulas;
b) Os Espíritos são atraídos somente pelo pensamento; portanto, nenhum talismã, amuleto, palavra sacramental, sinal cabalístico ou qualquer tipo formula exterior poderá exercer qualquer influência sobre eles;
c) Não exercendo nenhuma influência sobre os Espíritos, o uso de objetos materiais é completamente ineficaz para se proteger da má influência dos Espíritos (obsessão) e/ou ajudar nas comunicações espíritas;
d) O amor a Deus e ao próximo, a transformação moral e a boa conduta podem ser considerados os nossos melhores “talismãs”, pois são eles os meios mais eficazes de nos protegermos da influência dos maus Espíritos.

Texto de Felipe Gonçalves.
Site a Historia do Espiritismo.

Esse texto é muito bom e perfeito.

Vou deixar para finalizar um texto meu.

A proteção espiritual quem faz é a própria pessoa, conforme seus pensamentos e atitudes, pensamentos elevados, positivos e firmes no Bem, repelem as vibrações pesadas e negativas dos maus espíritos.
Não adianta usar objetos matérias, amuletos, talismã, roupas brancas, velas, imagens de santos ou de Jesus, tudo é uma questão de SINTONIA mental com o plano espiritual, uma pessoa com vícios, maus desejos, maus pensamentos, só vive se lamentando, reclamando da vida, revoltada, com raiva, xinga usa palavrões, bebe e fuma de forma descontrolada, tal pessoa é um alvo fácil para os espíritos obsessores e vampiros do plano astral, eles querem pessoas assim, fracas, medrosas, com vícios, só vive xingando e revoltada, acredita que objetos matérias pode afastar os maus espíritos, dessa forma é fácil controlar a mente dessas pessoas.
O fraco sempre será controlado é assim que funciona, não adianta pedir para Deus ou Jesus proteções, são nossos pensamentos, sentimentos e atitudes que vai estabelecer sintonia com o mundo espiritual.
Os maus espíritos não conseguem se sintonizar com as pessoas de pensamentos elevados e nobres, nenhum espírito se reencarna no mundo terra para ser fraco, bobo, tolo, coitado ou derrotado, você esta no mundo terra para VENCER e para brilhar a vossa Luz, com força de vontade, disciplina, determinação, pensamentos elevados e uma fé racional, você pode vencer na vida, seja forte, não seja um coitado, se valorize se respeite.
As macumbas, bruxarias, só afetam as pessoas fracas de maus pensamentos.
Não devemos esquecer que tudo no plano espiritual é SINTONIA ou afinidade ou atração, atraímos bons ou maus espíritos, conforme nossos pensamentos, sentimentos e atitudes.
O encarnado correto, honesto, digno, caridoso, com pensamentos elevados e nobres e de atitudes elevadas, vai entrar em sintonia com os Bons espíritos.
O encarnado maldoso, desonesto, picareta, falso, mesquinho, vulgar, malandro, racista, egoísta, vai atrair pela sintonia vibratória dos pensamentos, espíritos desencarnados que pesam e sentem a mesma coisa, vai atrair espíritos inferiores e obsessores do plano extra físico ou mundo espiritual.
O Bem tem sintonia com o Bem.
O mal tem sintonia com o mal.

Cada lugar, cada ambiente, tem um campo vibratório próprio formado pelos pensamentos, sentimentos e atitudes das pessoas que vivem nesses ambientes.
Um ambiente formado por pessoas levianas, falsas, desonestas, invejosas, maliciosas, arrogantes, racistas, viciosas, vai se formar um campo vibratório baixo e denso e dessa forma vai se estabelecer sintonia com espíritos ignorantes sem luz do plano astral inferior.
Os campos vibratórios formado pelos pensamentos das pessoas vai determinar que tipo de energias e espíritos desencarnados serão atraídos pela sintonia.
Imaginemos esses ambientes onde as pessoas se entregam a bebida alcoólica, orgias, piadas grosseiras, vulgaridades, discussões, bate boca, palavrões, irritações, inveja, nesse ambiente estará um campo vibratório denso para aproximação de entidades das sombras, espíritos de baixas vibrações mentais e morais.
Num ambiente onde as pessoas se reúnem com bons propósitos, bons pensamentos, boas idéias, com o desejo sincero de praticar o bem, a caridade e as virtudes, estará se formando um campo vibratório sutil e elevado que vai atrair os espíritos de luz.


O mais importante é deixarmos mensagens de força e luz para as pessoas se fortalecerem, nosso Pensamento tem um valor muito grande para afastar os maus espíritos e as energias negativas do mundo espiritual, pensamentos positivos, elevados e firmes no bem, repelem naturalmente as coisas ruins.
Temos que tomar muito cuidado com os pensamentos, tudo é uma questão de sintonia vibratória, nós estamos no mundo terra é para evoluir e vencer, nenhum espírito se reencarna no plano material predestinado a ser fraco, derrotado, medroso, obsedado, não existe predestinação para o mal, nós estamos nesse mundo físico é para brilhar a nossa luz, lutar, trabalhar e vencer.
Deus não cria nenhum espírito fraco ou imperfeito, nós somos criados pelo poder Divino para evoluir, superar e vencer.
Temos que entender que nós somos seres divinos criados pelo Criador do universo.
Vos sois deuses.
A defesa contra as magias, bruxarias e macumbas está em nossos PENSAMENTOS puros, positivos, elevados, nós somos seres divinos, nós podemos e devemos repelir o mal com a nossa luz.
Brilhe a vossa luz.
Temos que passar mensagens positivas para as pessoas.

Wilson Moreno na busca da Verdade.

De: Semíramis Alencar
Para: Tod@s
E-mail: semiramisalencar@yahoo.com.br
Data: 17/08/14 16:07

Olá amigos

Temporada paulista de ENCONTROS IMPOSSÍVEIS, com Renato Prieto (o André Luiz de Nosso Lar) à partir de 23/08, Teatro Jaraguá, São Paulo, SP

Um presente - A prece de Cáritas
https://www.youtube.com/watch?v=MAvet21wZoc

De: Wilson
Para: Os Estudiosos.
E-mail: wilsonmoreno67@gmail.com
Data: 15/08/14 15:35

Vigiar os pensamentos.

Procure sempre vigiar seus pensamentos, desejos e impulsos, não se entregue aos pensamentos negativos, fraquezas e medos, repila as ideias negativas, cultivando pensamentos positivos e firmes no bem, você conseguira repelir os maus espíritos, tudo é uma questão de afinidade mental.
Procure ocupar seu tempo estudando, fazendo cursos, trabalhando, se afaste de pessoas negativas e maldosas você não é obrigada a ter contatos com pessoas que te fazem mal.
Quando você sentir que aquela pessoa é negativa se afaste, evite conversar.
Uma outra questão importante é você tomar posse de si mesma, você tem seu livre arbítrio quem controla seus pensamentos é VOCÊ somente você.
Você pode tudo, ser feliz, ser forte, ser alegre, ser positiva, basta acreditar em seus PENSAMENTOS, acredite em si mesma, acredite na força invencível dos seus pensamentos, não acredite em destinos traçados, o destino quem faz é agente pelo nosso esforço pessoal e nossa luta.
Com pensamentos elevados, firmes, fortes e positivos, você repele naturalmente os maus espíritos, você é perfeita, linda, inteligente, Deus te ama, tu foi criada por Deus para VENCER e ser feliz.
O seu destino é a vitória e a luz.
Acredite na força dos seus pensamentos.

Os maus espíritos não têm nenhum poder sobre as pessoas de Bem, os bons pensamentos, os sentimentos elevados e as atitudes corretas e honestas, vão sempre repelir as influências espirituais negativas, o Bem é mais forte que o mal, são as nossas imperfeições morais que atraem os espíritos inferiores, perturbadores e obsessores, portanto, a nossa luta é contra as nossas imperfeições morais, combatendo elas os maus espíritos se afastam gradualmente. Assim como as moscas farejam as chagas do corpo, os maus espíritos farejam as chagas morais da alma, para afastar as moscas basta limpar o corpo das suas impurezas físicas, da mesma forma, a pessoa se depurando das suas impurezas morais, ela consegue repelir os espíritos perturbadores e obsessores.
É NA ELEVAÇÃO MORAL DOS PENSAMENTOS E SENTIMENTOS E NA PRÁTICA SINCERA DO BEM E DAS VIRTUDES, QUE ESTÁ A DEFESA PSÍQUICA CONTRA OS MAUS ESPÍRITOS.
NÃO ADIANTA USAR AMULETOS, TALISMÃ, VELAS, ROUPAS BRANCAS, IMAGENS DE SANTOS, PALAVRAS SACRAMENTAIS, SINAIS CABALÍSTICOS, NADA DISSO FUNCIONA, TUDO RESIDE EM NOSSOS PENSAMENTOS E SENTIMENTOS.

O Bem e o mal.
Vejamos a base dessa questão.

O Bem são as Virtudes, ser bom, correto, honesto, educado, cordial, trabalhador, cultivar pensamentos elevados, positivos e firmes no Bem, cultivar a prece sincera, combater os maus desejos e vícios.
O mal são os defeitos morais, ser falso, desonesto, malandro, maldoso, picareta, racista, arrogante, malicioso, vulgar, imoral, cruel, cultivar maus pensamentos, vícios e maus desejos.
Essa é a Diferença, Virtudes e defeitos morais.
Nenhum espírito se reencarna no mundo terra com a missão de praticar o mal, vícios, crimes, imoralidades, desonestidade, NÃO EXISTE PREDESTINAÇÃO PARA O MAL, CRIMES, VÍCIOS OU PARA A DERROTA.
Estamos reencarnados no mundo terra é para EVOLUIR moralmente e intelectualmente, temos que vencer as nossas imperfeições morais, edificar o Bem , a Caridade e as Virtudes, quem se volta para o caminho do mal esta travando a sua evolução espiritual e se auto punindo, por que, ele vai gerar para si mesmo um Karma pesado e negativo, que ele terá que resgatar em futuras reencarnações.
Quem planta o mal vai colher dores, sofrimentos, dificuldades e ate doenças.
O mal gera o mal em nossas vidas.
Quem com ferro fere com ferro será ferido.

O Bem gera luz para nossa evolução espiritual.
Ser bom, correto, honesto, educado, manter os pensamentos elevados, positivados e firmes no Bem e nas Virtudes é Vencer a si mesmo e evoluir para Deus o Criador incriado.
Quem planta a caridade, as virtudes e a luz vai colher evolução, paz, felicidade, é assim que funciona, colhemos o que plantamos.

Não se esqueça disso, nenhum espírito se reencarna PREDESTINADO para o mal, para a derrota, fracasso, vícios, imoralidades, crimes, estamos no plano terreno é para evoluir, vencer a si mesmo, vencer as suas imperfeições morais.
Não existe desculpas e nem justificativas para se praticar o mal, só os fracos e os derrotados espiritualmente seguem o caminho escuro da maldade e dos crimes.
Disse Jesus, brilhe a vossa Luz.


Sobre a Obsessão.

São as nossas imperfeições morais que atraem os maus espíritos, essas imperfeições morais são basicamente os maus pensamentos, vícios, maus desejos, maus hábitos, atitudes negativas, a desonestidade, a falsidade, o ódio, a raiva, os desejos de vingança, o egoísmo etc...

As causas básicas das Obsessões foram colocadas por Emmanuel e Cheila na psicografia de Chico Xavier, são:
a) a cabeça e mãos desocupadas
b) a palavra irreverente
c) a boca maledicente
d) a conversa inútil e fútil prolongada
e) a atitude hipócrita
f) o gesto impaciente
g) a inclinação pessimista
h)o apego demasiado a coisas e pessoas
i) o comodismo exagerado
j) a solidariedade ausente
m) considerar nosso trabalho excessivo
n) o desejo de apreço e reconhecimento
o) o impulso de exigir dos outros mais do que de nós mesmos
p) fugir para o álcool ou drogas estupefacientes

São essas imperfeições morais que atraem pela sintonia vibratória dos pensamentos os espíritos inferiores, perturbadores e obsessores do plano astral, a defesa psíquica contra os maus espíritos esta em nossa melhoria Moral e Mental.
O Mestre Allan Kardec, fala em seus livros, que a autoridade que o homem tem sobre os maus espíritos esta no ascendente Moral, enquanto maior este maior é a autoridade, tudo depende do ascendente Moral.
O Mestre Allan Kardec explica, que SÃO AS NOSSAS IMPERFEIÇÕES MORAIS QUE VÃO ATRAIR OS MAUS ESPÍRITOS, DA MESMA FORMA, QUE AS MOSCAS FAREJAM AS CHAGAS DO CORPO, OS MAUS ESPÍRITOS FAREJAM AS CHAGAS MORAIS DA ALMA, PARA EVITAR AS MOSCAS BASTA LIMPAR O CORPO, PARA EVITAR OS MAUS ESPÍRITOS, BASTA LIMPAR NOSSA ALMA DE SUAS IMPUREZAS MORAIS, ESSA LIMPEZA MORAL É MUITO IMPORTANTE PARA PODERMOS REPELIR OS ESPÍRITOS PERTURBADORES E OBSESSORES.

Cuidado com seus pensamentos, cultive sempre pensamentos elevados, nobres, positivos é pelo pensamento que eles se aproximam das pessoas, tudo é uma questão de sintonia mental, nenhum objeto material pode afastar os maus espíritos, tudo reside na sua forma de pensar, sentir e agir, evite os centros de macumbas e as superstições, nesses lugares predomina sempre espíritos inferiores sem luz.

Os maus espíritos se aproveitam das nossas fraquezas, qualquer vacilo com os pensamentos eles se aproximam pela sintonia vibratória, como disse Jesus, Orar e Vigiar para não cair em tentações.
Vigie seus pensamentos, seus desejos e impulsos.
Nós somos o que pensamos.
Não adianta usar velas, incenso, amuletos, talismã, roupas brancas, palavras sacramentais, sinais cabalísticos, exorcismos, imagens de santos, nada disso funciona e na elevação mental e moral e na pratica do Bem e das virtudes que esta a DEFESA PSÍQUICA contra os maus espíritos.

Wilson Moreno discípulo da Luz.


De: Victor Hugo
Para: Todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 14/08/14 17:27

Evita o tumulto extravagante das novidades perturbadoras.
Harmoniza-te de forma que não sejas arrebatado pela ilusão de estar presente em todo lugar ao mesmo tempo, fruindo somente prazeres, possuindo os equipamentos mais recentes, que logo são ultrapassados por outros mais complexos, incapazes, porém, de proporcionar-te a harmonia interior.
Essa correria insensata para a aquisição de instrumentos de utilidade tecnológica e virtual esconde, no seu bojo, a fuga psicológica do indivíduo que não se encoraja a viajar para dentro, procurando descobrir as razões dos conflitos que o aturdem, escondendo-se sob a tirania das máquinas que lhe permitem comunicação com o mundo e todos quantos deseje, sem produzirem a autorrealização no seu possuidor.

Ninguém vive em paz interior sem a consciência do dever retamente cumprido.

Após anestesiar-se a consciência por algum tempo, ei-la desperta, gerando culpa e necessidade de corrigenda. Daí o enfermo moral busca novamente a distração nos mecanismos de fuga e transferência.

O ser humano está destinado à glória imortal. A sua é a fatalidade das excelsas bênçãos que o aguardam. Dessa forma, a conquista da dignidade moral é um desafio que deve ser enfrentado e vivenciado desde as experiências mais simples, a fim de ser criado o condicionamento superior para que se transforme em aquisição valiosa. Eis por que o Espiritismo, na sua condição de filosofia exemplar, oferece o concurso da iluminação interior, explicando as razões da existência, sua finalidade, sua origem e sua culiminância...

Joanna de Ângelis (espírito), psicografia de Divaldo Franco. Livro: Ilumina-te.

Aquele que não faz silêncio interior, que não consegue fazer o auto-encontro, que não possui serenidade para admirar uma paisagem, não sabe orar e, por conseguinte, não encontra DEUS. Jesus estabeleceu: o Reino de DEUS está dentro de vós (Lucas, 17: 21). Daí a necessidade urgente do indivíduo se concentrar, manter o foco, meditar e refletir. Contudo, enquanto se mantiver preso como um viciado à tecnologia necessitando fugir de si mesmo a cada segundo, sem conseguir sequer manter uma conversa pessoal sem recorrer a aparelhos eletrônicos a cada passo, não passará de simples esboço do Homem Integral a caminho da felicidade.\"

Joanna de Ângelis (espírito), psicografia de Divaldo Franco. Livro: O Ser Consciente

De: Claudio
Para: Silvia
E-mail: ladobranco@bol.com.br
Data: 14/08/14 16:15

O Espiritismo é divino, assim como todas as religiões... O Ser Humano é quem, muitas das vezes, acaba com qualquer crença. Essa sua indignação com a morte é algo muito comum E a vida não é um mar de rosa... Nossas almas tem tarefas e, durante a existência, nossa fé é testada. Sua mãe cumpriu sua missão, agora é a sua vez de dar sequência... É muito fácil ficar indignado com a morte, mas é puro egoísmo querermos que nada aconteça com nossa família... Estamos entrelaçados e iremos continuar nossa trajetória.

De: Victor Hugo
Para: Todos
E-mail: vhgdebem@gmail.com
Data: 13/08/14 23:13

COMPORTAMENTO E VIDA

Autor: Manoel Philomeno de Miranda (espírito)

O fatalismo biológico, estabelecido mediante as
conquistas pessoais de cada indivíduo, não é
definitivo em relação à data da sua morte.

A longevidade como a brevidade da existência
corporal, embora façam parte do programa
adrede estabelecido para cada homem, alteram-
se para menos ou para mais, de acordo com o
seu comportamento e do contributo que oferece
à aparelhagem orgânica para a sua preservação
ou desgaste.

Necessitando de um período de tempo em cada
existência física para realizar a aprendizagem
evolutiva em cujo curso está inscrito, o Espírito
tem meios para abreviar-lhe ou ampliar-lhe o
ciclo, mediante os recursos de que dispõe e são
facultados a todos.

É óbvio que o estróina desperdiça maior quota de
energias, impondo sobrecargas desnecessárias
aos equipamentos fisiológicos, do que o
indivíduo prudente.

As ocorrências que lhes sucedam têm as suas
causas no comportamento que se permitem.

Igualmente, a forma de desencarnar, sem fugir
ao impositivo do destino que é de construção
pessoal, resulta das experiências que são vividas.
O homem imprevidente e precipitado,
desrespeitador dos códigos de lei estabelecidos,
toma-se fácil presa de infaustos acontecimentos,
que ele mesmo se propicia como efeito da
conduta arbitrária a que se entrega.

Acidentes, homicídios, intoxicações, desastres de
vários tipos que arrebatam vidas, resultam da
imprevidência, da irresponsabilidade, do orgulho
dos que lhes são vitimas, na maioria das vezes e
no maior número de acontecimentos.

Devendo aplicar a inteligência e a bondade como
norma de conduta habitual, grande parte das
criaturas prefere a arrogância, a discussão acesa,
o desrespeito ao dever, a negligência, tornando-
se, afinal, vitimas de si mesmas, suicidas
indiretas.

Nos autocídios de ação prolongada ou imediata,
a responsabilidade é total daqueles que tomam a
decisão infeliz e a levam a cabo, inspirados ou
não por Entidades perversas com as quais
sintonizam.

Derrapando em comportamentos pessimistas a
que se aferram, a atitudes agressivas nas quais
se comprazem, na fixação de idéias tormentosas
em que se demoram, em ambições desenfreadas
e rebeldia sistemática, a etapa final, infelizmente,
não pode ser outra. Com o gesto que supõem de
libertação, tombam, por largos anos de dor, em
mais cruel processo de recuperação e desespero,
para que aprendam disciplina e submissão contra
as quais antes se rebelaram.

Depreende-se, portanto, que o comportamento
do homem a todo instante contribui de maneira
rigorosa para a programação da sua vida.

São de duas classes as causas que influem na sua
existência, dentro do determinismo da evolução
humana: as próximas, desta reencarnação, na
qual se movimenta, e as remotas, que procedem
das ações pretéritas. Estas últimas estabeleceram
já os impositivos de reparação a que o indivíduo
não pode fugir, amenizando-os ou vencendo-os
através de atuais ações do rumor, que promovem
quem as vitaliza e aquele a quem são dedicadas.
As primeiras, no entanto, as da presente
existência, vão gerando novos compromissos
que, se negativos, podem ser atenuados de
imediato por meio de atitudes opostas, e, se
positivos, ampliados na sua aplicação.

O tabagismo, o alcoolismo, a toxicomania, a
sexolatria, a glutonaria, entre outros fatores
dissolventes e destrutivos, são de livre opção
anual, não incursos no processo educativo de
ninguém. Quem, a qualquer deles se vincula,
padecer-lhe-á, inexoravelmente, o efeito
prejudicial, não se podendo queixar ou aguardar
solução de emergência.

O tabagismo responde por cárceres de várias
procedências, na língua, na boca, na laringe, por
inúmeras afecções e enfermidades respiratórias,
destacando-se o terrível enfisema pulmonar.
Todo aquele que se lhe submete à dependência
viciosa, está incurso, espontaneamente, nessa
fatalidade destruidora, que não estava no seu
programa e foi colocada por imprevidência ou
presunção.

O alcoolismo é gerador de distúrbios orgânicos e
psíquicos de inomináveis conseqüências,
gerando desgraças que, de forma nenhuma
deveriam suceder. É ele o desencadeador da
loucura, da depressão ou da agressividade, na
área psíquica, sendo o responsável por distúrbios
gástricos, renais e, principalmente, pela
irreversível cirrose hepática. Seja através da
aguardente popular ou do whisky elegante, a
alcoolofilia dízima multidões que se lhe
entregam espontaneamente.

A toxicomania desarticula as sutis engrenagens
da mente e desagrega as moléculas do
metabolismo orgânico, lesando vários órgãos e
alucinando todos quantos se comprazem nas
ilusões mórbidas que dizem viver, não obstante
de breve duração. Iniciada a dependência que se
fez espontânea, desdobrara-se à frente longos
anos, numa e noutra reencarnação, para que
sejam reparados todos os danos que poderiam
ter sido evitados quase sem esforço.

A sexolatria gera distonias emocionais, por
conduzir o indivíduo ao reduto das sensações
primitivas, mantendo-os nas áreas do gozo
insaciável, que o leva à exaustão, a terríveis
frustrações na terceira idade, se a alcança, e a
depressões sem conta pelo descalabro que
desorganiza o corpo e perturba a mente. Além
desses, são criados campos de dificuldade
afetiva, de responsabilidade emocional com os
parceiros utilizados, estabelecendo-se
compromissos desditosos para o Ii1turo.

A glutoneria, além de deformar a organização
física, é agente de males que sobrecarregam o
corpo produzindo contínuas distinções
gastrointestinais, dispepsias, acidez, ulcerações,
alienando o homem que vive para comer, quando
deveria, com equilíbrio, comer para viver.

São muitos os agentes dos infortúnios para o
homem, que ele aceita no seu comportamento,
afetando-lhe a vida.

Entretanto, através de outras atitudes e conduta
poderia preserva-la, prolongá-la, dar-lhe beleza,
propiciando-lhe harmonia e felicidade.

Além de atingir aquele que elege esta ou aquela
maneira de agir, os resultados alcançam os
descendentes que, através das heranças
transmissíveis, conforme as suas necessidades
evolutivas, as experimentarão.

O comportamento do Espírito, no corpo ou fora
dele, é responsável pela vida, contribuindo de
maneira eficaz na sua programática, igualmente
interferindo na conduta do grupo em que se
movimenta e onde atua, como dos descendentes
que de alguma forma se lhe vinculam.

As ações corretas prolongam a existência do
corpo e promovem o equilíbrio da mente,
enquanto as atribuladas e agressivas produzem o
inverno.

Nunca será demasiado repetir-se que, assim
como o homem pensa e age, edificará a sua
existência, vivendo-a de conformidade com o comportamento elegido.

Psicografia de Divaldo Franco. Livro: Temas da Vida e da Morte

De: silvia
Para: estudiosos
E-mail: silvia_lagoa@yahoo.com.br
Data: 12/08/14 13:36

Sempre acreditei e frequentei a Doutrina Espirita,inclusive trabalhando dando passes e tendo a certeza que a vida continua,faz muito tempo que não frequento ,mas a minha fé na doutrina sempre continuaram e sempre foi um alento aos meus momentos de desespero e angustia,até o dia que minha mãe desencarnou + ou - 4 meses, a dor está imensa e achei que após o desencarne logo teria alguma comunicação que estava bem,mesmo que fosse através de um sonho (sempre fui eu que cuidava dela) e até agora nada,tento encontrar respostas ,estou em duvida de tudo que sempre acreditei e até na minha fé,me ajudem.

De: Mari Leoncine
Para: todos
E-mail: marileoncine@hotmail.com
Data: 12/08/14 01:45

Peço vibrações a minha família materna e paterna, pois temos tido prova de que há algo contra todos, colocando sempre uns contra os outro,s temos realizado evangelho no lar, muitas preces, mas sempre há aquele que acha estar certo acima de todas as coisas, não perdoa, guarda rancores e não acredita que a mudança deve começar por ele. Toda essa desestrutura de uma única pessoa consegue desequilibrar toda uma família, meus pais em principal, as irmãs, as crianças e os cucunhados, já há quase 4 anos estamos sofrendo com isso e a pessoa tem sofrida duras penas, perdas de familiares, nada muda.

 
 
Busca
  
  
  
 
Temas Importantes
- Reencarnação
- Obsessão
- Mediunidade
 
Divulgação
- Indique o Site
- Adicione aos Favoritos
 
Mensagem do dia
“Se Jesus nos recomendou amar os inimigos, imaginemos com que imenso amor nos compete amar aqueles que nos oferecem o coração”. André Luiz
 
Boletim Eletrônico
Cadastre seu e-mail e receba mensagens de Luz, textos e outras informações.
E-mail

Assinar Remover
Copyright© 2004/2014 - O Espiritismo - Araraquara/SP - Todos os direitos reservados

Webmaster